Notícias

PESQUISA: Propostas de infraestrutura de Biden têm apoio público, mas respaldo ao plano é partidário–Reuters/Ipsos

Reuters
Reuters

2 de abril de 2021 - 13:50 - Atualizado em 2 de abril de 2021 - 13:50

Por Chris Kahn

NOVA YORK (Reuters) – O megaplano de infraestrutura de 2 trilhões de dólares proposto pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, está repleto de projetos para reparos de estradas, melhora no serviço de internet e outras iniciativas amplamente populares em si, de acordo com uma pesquisa da Reuters/Ipsos, mas o apoio público nos EUA diminui quando as iniciativas são embaladas em um projeto democrata e vendidas como um plano apoiado por Biden.

A pesquisa de opinião nacional de 31 de março a 1º de abril destaca os desafios enfrentados por Biden e seus companheiros democratas no Congresso, à medida que implementam o Plano de Emprego Americano diante da oposição republicana e de uma sociedade hiperpartidária.

A enquete mostrou que:

– 79% dos norte-americanos apoiavam uma reforma governamental das estradas, ferrovias, pontes e portos americanos;

– 71% apoiavam um plano para estender a internet de alta velocidade a todos os norte-americanos;

– 68% apoiavam uma iniciativa para substituir todos os tubos de chumbo no país;

– 66% apoiavam créditos fiscais para energia renovável.

Os norte-americanos também apoiavam amplamente as formas que Biden propôs para pagar a enorme conta de infraestrutura. De acordo com a pesquisa, 64% dos adultos norte-americanos apoiavam um aumento de impostos sobre corporações e grandes empresas e 56% apoiavam o fim de incentivos fiscais para a indústria de combustíveis fósseis.

No entanto, o apoio público pareceu diminuir quando a pesquisa mudou de perguntas gerais sobre infraestrutura para perguntas mais específicas sobre um plano endossado por Biden.

Apenas 45% dos norte-americanos disseram que apoiariam o plano de empregos e infraestrutura que foi “anunciado recentemente pelo governo Biden”. Outros 27% disseram que se opunham e os 28% restantes disseram que não tinham certeza.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.