Notícias

Passagem de ônibus deve voltar a custar R$ 3,70, determina TCE

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

13 de fevereiro de 2017 - 00:00 - Atualizado em 13 de fevereiro de 2017 - 00:00

Foto: RIC TV

A medida já deveria estar valendo esta tarde, mas ainda não foi aplicada pela Prefeitura

Por medida cautelar do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), o aumento da passagem de ônibus em Curitiba foi suspenso, o que significa que o seu preço tem que baixar dos novos R$ 4,25 para os R$ 3,70 aplicados até o dia 5 deste mês. 

Uma das alegações do TCE-PR é a de que os cálculos da prefeitura que levaram ao aumento da tarifa não estão claros. Os cálculos falam em melhorias como mais estações e renovação da frota de ônibus, mas o valor de R$ 3,70 já implicava a renovação da frota. 

A decisão só vale para Curitiba, não para a Região Metropolitana. 

A prefeitura e a Urbanização de Curitiba (Urbs) já foram notificadas pelo TCE-PR sobre a decisão, que deveria valer imediatamente, mas a passagem ainda está custando R$ 4,25. 

Com o reajuste para R$ 4,25, a passagem de Curitiba passou a ser a mais cara do país. Em São Paulo, por exemplo, o ônibus custa R$ 4,05; em Florianópolis, R$ 3,90; e em Porto Alegre, R$ 3,75. Ocorrendo a redução, portanto, o ônibus curitibano volta a ser o menos caro entre as três capitais do sul do país.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.