Coronavírus

Participação dos pais é primordial para sucesso estudantil de crianças e adolescentes

Aproveite o período de isolamento social para interagir mais na vida escolar dos seus filhos

Angelo
Angelo Binder conteúdo Comando News com assessoria
Participação dos pais é primordial para sucesso estudantil de crianças e adolescentes

27 de abril de 2020 - 00:00 - Atualizado em 27 de abril de 2020 - 00:00

O número de pessoas que contraíram o novo coronavírus (COVID-19) tem aumentado diariamente. De acordo com os órgãos internacionais de saúde, a recomendação é que as pessoas permaneçam em seus lares o maior tempo possível. Importantes estados como São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná adotaram as medidas de prevenção e combate ao Covid-19, recomendando o home office, a paralização das escolas e universidades, a redução do número de pessoas nas ruas e o fechamento de estabelecimentos que não foram considerados como atividades essenciais.

Nas últimas semanas, alguns serviços foram retomados ou ainda estão retomando as atividades de forma gradual, com redução de horários e controle de pessoal no interior dos ambientes.

Uma das consequências dessas ações de isolamento é o grande número de crianças e adolescentes em casa, o que pode contribuir para o aumento da ociosidade desse público.

Nesse período em que as atividades escolares ainda não foram retomadas, é essencial que as rotinas estudantis sejam mantidas, dentro do possível, aproveitando o tempo em casa para que os pais participem mais da vida escolar dos filhos. Quando as crianças contam com o apoio deles, o aprendizado torna-se mais prazeroso. Além disso, aqueles que recebem esta ajuda obtêm melhores notas e possuem comportamento melhor.

As atividades escolares propostas pela Cultura Inglesa durante o período de isolamento social também incentivam a participação dos responsáveis para que os estudantes tenham ainda mais sucesso. Seguindo as recomendações de saúde pública, a Cultura Inglesa está desde o dia 25 de março ministrando aulas remotas ao vivo para os níveis de adolescentes e adultos.

Para os níveis infantis, da Cultura Junior, aulas remotas são desaconselhadas, pela dificuldade de concentração das crianças. Para manter o contato com a língua inglesa, as crianças têm, toda semana, uma atividade desenvolvida com um professor ou professora ao vivo, e recebem conteúdo para ser desenvolvido em casa, com a participação dos pais, até que as aulas presenciais possam ser retomadas.

Pensando nisso, vamos apresentar formas para você organizar a rotina e manter os seus filhos estudando durante o período de suspensão das aulas presenciais. Confira!

Mantenha o foco

É importante que mesmo fora das escolas fisicamente, os estudantes mantenham uma rotina e que o período dedicado aos estudos seja seguido diariamente e no mesmo horário. Essa medida é muito importante para eles terem mais disciplina e não perderem o ritmo. Além disso, é uma forma de a criança não ter dificuldades de voltar à rotina quando acabar o período de isolamento.

Faça a lição de casa com seus filhos

Nesse momento você pode perceber quais são as dificuldades e aptidões do seu filho. O objetivo não é fazer a lição ou o trabalho por ele, assim sendo, você não precisa entender tudo sobre a matéria. O ideal é orientá-lo sobre como pesquisar ou concluir uma tarefa bem-feita e estimulá-lo a tirar dúvidas com o professor.

Estabeleça a rotina com clareza

Para manter o foco, como já foi dito, deve-se estabelecer com clareza o horário dos estudos para ajudar os filhos a entender que é necessário seguir a aprendizagem mesmo estando fora do ambiente escolar. Também é válido definir os horários em que a criança pode usar os equipamentos eletrônicos, seja para conversar com os amigos, seja para jogar ou acessar conteúdos de entretenimento. O ideal é não passar várias horas do dia usando os dispositivos móveis.

Pratique a leitura

Vale a pena dedicar alguns momentos para a prática da leitura junto com os filhos, pois isso contribui para que o estudante adquira mais conhecimento e aumente o vocabulário. Dependendo da criança, vocês podem ler uma notícia, um trecho de um livro ou até uma poesia. Depois disso, questione o que ela achou do conteúdo apresentado, pois é uma maneira de ver como ela está interpretando os textos.

Priorize momentos de lazer

Não dá para esquecer que a vida não é só trabalho e estudo, não é? Especialmente para crianças e adolescentes. Então, não se esqueça de destinar um espaço para o lazer, principalmente depois que tiverem cumprido as obrigações do dia. Brincar de um jogo com perguntas e respostas, improvisar o tradicional pique-esconde ou assistir a um bom filme são algumas das alternativas que podem ser feitas para deixar a casa mais animada.