Notícias

Organização descarta “especulação” sobre adiamento de Aberto da Austrália

Reuters
Reuters

21 de novembro de 2020 - 13:37 - Atualizado em 21 de novembro de 2020 - 13:37

(Reuters) – A Tennis Australia (TA) rejeitou neste sábado notícias afirmando que o início do Aberto da Austrália seria adiado de janeiro para fevereiro ou março do próximo ano devido aos protocolos de Covid-19 no país.

O jornal Herald Sun relatou que o primeiro Grand Slam do ano arriscava ser adiado enquanto os organizadores discutiam acordos de quarentena com o governo do estado de Victoria.

“É pura especulação”, disse um porta-voz da TA.

“No início da semana, nós … (dissemos) como continuamos a trabalhar em estreita colaboração com o governo de Victoria e iremos atualizar com mais informações o mais rápido possível, e não há nenhuma atualização disso no momento.”

A matéria citou o premier de Victoria, Daniel Andrews, dizendo que estava “muito confiante” em hospedar o Grand Slam, mas pontuando que o momento e os preparativos exatos ainda não tinham sido acertados.

A TA planejou que os jogadores e seus acompanhantes chegassem a Victoria em meados de dezembro para realizarem um período obrigatório de quarentena de duas semanas antes de competirem em Melbourne em janeiro.

(Por Amlan Chakraborty)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.