Coronavírus

Para atender shoppings, Prefeitura de Curitiba vai aumentar frota de ônibus na segunda-feira

A previsão inicial é de um aumento de cerca de 20% no fluxo de pessoas no sistema de transporte de Curitiba com a abertura dos shoppings centers

Gabriel
Gabriel Azevedo com informações da Prefeitura de Curitiba
Para atender shoppings, Prefeitura de Curitiba vai aumentar frota de ônibus na segunda-feira
(Foto: Daniel Castellano/SMCS)

23 de maio de 2020 - 00:00 - Atualizado em 23 de maio de 2020 - 00:00

Com a abertura dos shoppings na próxima segunda-feira (25), a Prefeitura de Curitiba anunciou que vai aumentar a frota de ônibus que circulam na capital paranaense.

Segundo dados da Urbanização de Curitiba S/A (Urbs), empresa que administra o transporte coletivo, o sistema passará a operar com 80% da frota total de 1,5 mil ônibus, contra a média de 65% que vinha sendo usada.

Com o reforço, a linha Inter 2 vai funcionar com 100% da frota nos dias úteis. As linhas expressas Pinheirinho-Rui Barbosa, Santa Cândida-Capão Raso e Circular Sul vão operar com 90% da capacidade nos horários de maior movimento e as linhas alimentadoras, que atuam na região Sul da cidade, vão funcionar com 100% no horário de pico. Também será feito o reforço na linha Boqueirão-Centro Cívico nos picos da manhã e da noite.

“VAMOS FAZER ESSA ADEQUAÇÃO E MONITORAR DIARIAMENTE O MOVIMENTO, USANDO TAMBÉM A TECNOLOGIA DAS CÂMERAS DO CENTRO DE CONTROLE OPERACIONAL (CCO). DETERMINEI QUE SEJA COLOCADA UMA FROTA RESERVA DE PRONTIDÃO, PARA CASO DE NECESSIDADE, E PODEREMOS AMPLIAR A FROTA ATÉ OS 100%, COM 1,5 MIL ÔNIBUS”, DISSE O PREFEITO RAFAEL GRECA.

Horários alternativos

Segundo o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maia Neto, é preciso que o comércio de rua e os shoppings trabalhem em horários alternativos para não sobrecarregar, principalmente nos horários de pico, o sistema de transporte, que precisa operar com folga para evitar aglomerações e obedecer a conduta de prevenção da transmissão do novo coronavírus.

A previsão inicial da Urbs é de um aumento de cerca de 20% no fluxo de pessoas no sistema de transporte da capital com a possível reabertura dos shoppings centers.

“ESTAMOS NOS ANTECIPANDO E, COM ESSA REORGANIZAÇÃO DAS LINHAS, TORNAMOS MAIS EFICIENTE O TRANSPORTE PARA ATENDER ESSA DEMANDA”, AFIRMOU MAIA NETO.

Escolas e idosos

Apesar da abertura do comércio, as escolas permanecem fechadas, o que deve manter o movimento no transporte coletivo ainda abaixo da média normal, de acordo com a Urbs.

Um apelo que a Prefeitura tem reiterado é para que os idosos, que são grupo de risco da Covid-19, evitem usar os ônibus. O movimento diário de passageiros da terceira idade no sistema está em cerca de 17 mil. “Não queremos que os idosos se exponham ao risco de transmissão, então fiquem em casa”, alertou o prefeito.

Orientação

Para evitar aglomeração, a Urbs já tomou uma série de medidas no transporte coletivo. Os ônibus das principais linhas só podem sair dos terminais com lotação máxima de 50%. Todos os terminais têm marcações para que os passageiros mantenham uma distância de, no mínimo, 1,5 metro entre si e há distribuição de folders com orientações sobre a obrigatoriedade do uso de máscaras, necessidade de manter o distanciamento e as janelas abertas nos veículos. Cartazes, faixas e painéis eletrônicos nos ônibus também trazem informações sobre a prevenção da Covid-19.

Fiscais e agentes da Guarda Municipal fazem o trabalho de orientação, que ganhou também o apoio do Exército desde o último dia 14 de maio. O trabalho, que duraria 10 dias, vai ser prorrogado.

A força tarefa, que conta com a participação de 80 soldados, está concentrada – entre 5h30 e 8h30 – nos principais terminais (Pinheirinho, Santa Cândida, Cabral, Centenário de Boqueirão). No fim do dia, entre 16h30 e 19h30,  a cooperação entre Prefeitura e Exército será nas estações-tubo nas praças Carlos Gomes, Rui Barbosa e na estação Central.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.