Notícias

Onda de frio fecha canal de Houston e aumenta blecautes na região

Reuters
Reuters

16 de fevereiro de 2021 - 12:50 - Atualizado em 16 de fevereiro de 2021 - 12:50

Por Swati Verma

(Reuters) – A onda de frio e o tempo gelado seguem causando estragos no setor de energia dos Estados Unidos, interrompendo as operações no canal de Houston, enquanto várias das maiores refinarias de petróleo permaneceram fechadas no maior Estado produtor de petróleo do país.

No geral, cerca de 5,3 milhões de clientes ficaram sem energia na maioria dos Estados, incluindo Texas e Nova York, com cerca de 4,3 milhões de pessoas somente no Texas, de acordo com as empresas de energia locais.

O clima, que não costuma ser tão frio nos Estados do sul dos EUA, eliminou mais de 3 milhões de barris de capacidade diária de refinamento no Golfo dos EUA, de acordo com cálculos da Reuters, e analistas da indústria dizem que a produção de petróleo pode ser afetada por dias ou semanas.

A onda de frio levou os preços do petróleo a máximas de quase 13 meses.

O canal de Houston é crucial para as exportações de petróleo e combustíveis dos EUA, bem como para embarques de grãos e outros produtos.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.