Notícias

Obras na Linha Verde causa novo desvio no bairro Bacacheri, em Curitiba

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

18 de novembro de 2018 - 00:00 - Atualizado em 18 de novembro de 2018 - 00:00

Os desvios serão apenas entre as pistas, sem que o motorista precise sair da rodovia (Foto: Luiz Costa/SMCS)

No local será construída uma trincheira, paralela à já existente na Rua Gustavo Rattman; os desvios serão apenas entre as pistas, sem que o motorista precise sair da rodovia

Uma nova etapada construção da Linha Verde será executada a partir desta segunda-feira (19), para dar continuidade dos serviços nas ruas Fúlvio Alice e Amazonas de Souza Azevedo. No local será construída uma trincheira, paralela à já existente na Rua Gustavo Rattman. 

Desvios na Linha Verde

Os desvios serão apenas entre as pistas, sem que o motorista precise sair da rodovia. Os condutores, nos dois sentidos, serão desviados a partir das 10h por meio de sinalização instalada pela empresa responsável pela obra, algumas quadras antes do ponto de bloqueio. A previsão inicial de duração da obra é de 90 dias.

A Superintendência de Trânsito (Setran) orienta que os usuários da região reduzam a velocidade e redobrem a atenção para as mudanças na circulação e na troca de pistas.

Etapa final da construção da Linha Verde

A Linha Verde é o sexto eixo de transporte da cidade e de integração de Curitiba à Região Metropolitana. São 22 quilômetros de extensão (pelo leito da BR-476) ligando a cidade do Sul ao Norte desde o Pinheirinho ao Atuba, beneficiando 22 bairros numa área de abrangência de 287 mil pessoas.

O trecho sul está concluído e seis estações estão em operação com o ônibus Ligeirão (Pinheirinho, Vila São Pedro, Xaxim, Santa Bernadethe, Fanny e Marechal Floriano) na ligação ao Centro da cidade (Lourenço Pinto). O trecho norte é a parte final de obras da Linha Verde. Estão em fase de conclusão as obras do lote 3.1, no trecho de 2,2 quilômetros desde o viaduto da Avenida Victor Ferreira do Amaral até o Rio Bacacheri, próximo ao Hospital Vita. Os investimentos são de R$ 56,1 milhões.

Também integra esta etapa o lote 3.2, de construção da trincheira da Rua Fúlvio Alice, próxima à Igreja Batista do Bacacheri. A obra está em execução, com investimentos de R$ 28,7 milhões. A previsão é que estes dois lotes de obras estejam concluídos em abril de 2019.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.