Animais

Gato é o primeiro animal do Brasil que testa positivo para o novo coronavírus

A possível infecção de outro gato e de um cachorro está em estudo

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações do R7
Gato é o primeiro animal do Brasil que testa positivo para o novo coronavírus
(Foto: Divulgação)

19 de outubro de 2020 - 14:37 - Atualizado em 19 de outubro de 2020 - 14:37

O primeiro animal de estimação a testar positivo para o novo coronavírus no Brasil foi uma gata.

O animal foi descoberto em Cuiabá, no Mato Grosso. A gata teve o diagnóstico confirmado por meio do teste de biologia molecular RT-PCR. A coleta de amostras para o exame foi realizada pela pesquisadora Valéria Dutra, professora da Faculdade de Medicina Veterinária da UFMT (Universidade Federal do Mato Grosso).

A gata, com poucos meses de vida, não tem sintomas da covid-19 e contraiu a doença de seus donos. A possível infecção de outro gato e de um cachorro está em estudo.

O caso acende o alerta para o risco de as pessoas transmitirem o coronavírus para os animais. Em laboratório, na China, mostrou-se ser possível que gatos transmitam a doença para outros felinos. Mas não se sabe se podem transmitir para seres humanos e sequer se o contágio entre felinos é fácil. A suposição é de que não não seja.

O CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças), dos Estados Unidos, informa que ainda são necessárias mais informações sobre o vírus, mas “parece que ele pode se espalhar de pessoas para animais em algumas situações, especialmente após contato próximo com uma pessoa doente”.

Ainda de acordo com o órgão, há poucos relatos de cães e gatos de estimação infectados com o coronavírus em todo o mundo e não existem evidências de que os animais desempenhem um papel significativo para disseminá-lo.