Notícias

Motorista que causou acidente grave na BR-277 é preso

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

25 de maio de 2017 - 00:00 - Atualizado em 25 de maio de 2017 - 00:00

Jefferson Eduardo Borsatto, de 31 anos, dirigia a carreta que causou o acidente; ele está preso (Foto: Emanuel Perin)

Segundo perícia inicial, a carreta dirigida por Jefferson Eduardo Borsatto estava com o tacógrafo vencido e sem freio; o motorista não se feriu

*Com informações dos repórteres Lucio André, Simone Hammes e Emanuel Pierin, da RICTV Curitiba

Pelo menos seis pessoas morreram em um grave acidente na BR-277, próximo a Balsa Nova, Região Metropolitana de Curitiba, no início da tarde desta quinta-feira (25). Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a ocorrência, que envolve três carretas e cinco carros, causa a interdição total da pista sentido sul.

Duas equipes da RICTV foram até o local e identificaram que uma obra estava sendo realizada no trecho da rodovia onde aconteceu o acidente. O motorista do caminhão que causou, Jefferson Eduardo Borsatto, de 31 anos, está preso. Ele foi levado PRF para a Delegacia da Polícia Civil em Campo Largo. Aos policiais rodoviários federais, ele alegou que teria ficado sem freios.

Ao repórter Emanuel Pierin, o delegado afirmou que o motorista responderá por dolo eventual, o que significa que assumiu o risco de matar. A polícia sustenta isso porque o homem estava com o caminhão carregado e sabia estar sem freio, o que lhe permitia saber do risco de causar uma tragédia. 

A polícia averigou tacógrafos anteriores do motorista e descobriu que ele viajava a 120 km/h em média, evidenciando que dirigia com frequência acima do limite permitido.

Tratando-se de dolo eventual, não há fiança e Jefferson segue preso até a audiência de instrução. ELe não quis gravar entrevista. 

O engavetamento aconteceu pouco antes das 14h. O trânsito foi interrompido na praça de pedágio de São Luiz do Purunã, no km 135 para evitar novos acidentes.

Veja imagens aéreas da rodovia feitas por um helicóptero do Samu/BPMOA:

Entre os mortos, estão duas pessoas de um veículo Land Rover Discovery (placa de Curitiba-PR), duas de um Gol (placa de Francisco Alves-PR) e duas de um Escort SW (placa de Florianópolis-SC). O caminhão-tanque envolvido no engavetamento estava vazio e não representa risco de explosão.

Duas irmãs, uma de sete e outra 11 anos, estão entre os mortos na tragégia. A mãe das meninas, que faz aniversário nesta quinta, também estava no carro, mas sobreviveu ao acidente. Ela foi encaminhada com ferimentos leves ao Hospital do Rocio, em Campo Largo, com outra vítima. Um terceiro ferido foi levado ao Hospital Cajuru, na capital paranaense.

Por volta das 16h, equipes do Instituto de Criminalística já estavam no local para realizar perícia e o Instituto Médico Legal (IML) já trabalhava na remoção dos corpos. 

Veja também:

Vídeo mostra acidente de moto fatal na BR-116, em Santa Catarina

Motorista fica preso às ferragens de van após bater em caminhão na BR

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.