Notícias

Marcha para Jesus celebra os 500 anos da Reforma Protestante

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

16 de maio de 2017 - 00:00 - Atualizado em 16 de maio de 2017 - 00:00

Foto Release – Marcha para Jesus – Arquivo 2016 – Crédito Divulgação.jpg

A expectativa é reunir 300 mil pessoas. A concentração vai ser a partir das 9h, neste sábado (20), na Praça Santos Andrade

Com o tema “500 anos da Reforma que ainda transforma”, a Marcha para Jesus deve reunir 300 mil pessoas neste sábado (20). Em sua 25 ª edição, o evento se consolidou como o maior ato público do estado do Paraná. Neste ano sete caminhões de som vão se concentrar na praça Santos Andrade a partir das 9h, com saída marcada para às 10h.
 
A marcha segue pela Avenida Marechal Deodoro, passa pela praça Tiradentes, em seguida pela Avenida Candido de Abreu até a concentração na Praça Nossa Senhora de Salete, onde haverá um palco em frente ao Palácio Iguaçu. Ali terá apresentação de cantores e bandas cristãs com programação até o fim da tarde.
 
“A Marcha para Jesus deste ano marca o início do calendário de comemoração dos 500 anos da Reforma Protestante, que foi um marco na história e orienta a nossa fé até hoje. Seremos neste sábado uma multidão de cristãos alcançados pela graça de Deus mostrando os frutos que a Reforma produziu na igreja”, disse o Bispo Antônio Cirino Ferro, presidente do Conselho de Ministros Evangélicos do Estado do Paraná (Comep).
 
Reforma
 
Em 1517, o frade Martinho Lutero questionou a compra do perdão divino por meio de indulgências e informou ao povo que o homem poderia falar diretamente com Deus, sem intermediação da igreja resgatando a Bíblia como única referência sobre a palavra de Deus. Ao traduzir a Bíblia do Latim para o Alemão, Lutero contribuiu para o desenvolvimento da imprensa em um período contemporâneo a prensa de Gutemberg, que revolucionou o mundo da época, pois os livros eram manuscritos em papiros e eram artigos raros.
 
Com isso a bíblia foi o primeiro livro a ser impresso em massa e ainda hoje é o livro mais impresso em todo o mundo. A Reforma foi fundamental para a alfabetização com a democratização dos impressos e também deixou seu legado no combate a corrupção. Pois, muitos países começaram a ser alfabetizados a partir da Bíblia. Não à toa, no ranking da corrupção mundial, dos cinco países menos corruptos, quatro professam majoritariamente os valores protestantes, sendo dois deles luteranos – Dinamarca, o primeiro da lista, e Finlândia, na terceira posição.
 
Ação Social
 
Na Marcha será lançada uma campanha para arrecadação de 10 mil litros de leite que serão doados para organizações de tratamento de dependentes químicos e projetos de base que trabalhem com crianças e adolescentes. O projeto é liderado pela Rede de Agentes Cristãos (Reage) e haverá pontos de arrecadação na Praça Santos Andrade e na Praça Nossa Senhora de Salete. “O objetivo da arrecadação do leite na ação social se dá porque é um produto consumido desde à criança até o adulto. Isso revela a expressão que a Marcha está preocupada com o trabalho histórico que as organizações sociais fazem. Além de melhorar a interação, sobretudo com as comunidades terapêuticas”, disse o responsável pela ação, Ubiratan da Silva.
 
Unidade
 
A Marcha para Jesus é um evento que traduz a unidade das igrejas evangélicas em Curitiba. Para o coordenador executivo da Marcha, Waldemar Clariano Silva, conhecido como pastor Red Bull, o evento tem como principal objetivo proclamar a paz, a família e os valores do Reino de Deus. “O nome de Jesus está acima de placas e denominações. É um momento em que a igreja ergue um clamor pela cidade de Curitiba, que não tem sido um diferencial apenas por ser sede da operação Lava Jato, mas porque tem igrejas que todos os anos saem às ruas declarar que Jesus é o Rei da cidade e clama por atos de justiça”, disse.
 
Programação – A concentração dos fiéis será na Praça Santos Andrade, em frente ao Teatro Guaíra, à a partir 9h. Após a abertura oficial marcada para 10h, a Marcha para Jesus segue pelas principais ruas do Centro até a Avenida Cândido de Abreu. Em frente ao Palácio, está sendo montado um palco que receberá o momento cívico, com a presença de autoridades políticas e líderes de igrejas evangélicas, além de apresentações de música gospel.
 
Estão confirmadas as presenças dos cantores Eli Soares e Davi Sacer, além de outras 10 bandas locais que fazem parte de igrejas da cidade e o cantor Israel Pienegonda, do estado de Santa Catarina.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.