Notícias

Marcelo Piloto é expulso do Paraguai e chega ao Brasil com a cabeça coberta

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

19 de novembro de 2018 - 00:00 - Atualizado em 19 de novembro de 2018 - 00:00

Marcelo Piloto é transferido do Paraguai para uma Penitenciária Federal basileira (Foto: reprodução vídeo enviado pela Polícia Paraguaia)

O narcotraficante estava preso em Assunção, no Paraguai, mas foi expulso do país após matar uma jovem de 18 anos a facadas dentro da própria cela

Na manhã desta segunda-feira (19), o narcotraficante Marcelo Piloto foi transferido da penitenciária de Assunção, no Paraguai, para uma penitenciária federal brasileira – ainda não divulgada.

Piloto, que matou uma jovem de 18 anos com pelo menos 18 facadas no sábado (17), teria cometido o crime para evitar transferência para o Brasil. Mas, sem sucesso, o traficante acabou sendo expulso do Paraguai e encaminhado ao Brasil nesta manhã.

Entregue às autoridades brasileiras

O traficante foi entregue às autoridades brasileiras por volta das 5h10 da manhã, e foi levado por militares até o Aeroporto de Itaipu, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

Marcelo Piloto desceu do avião da Polícia do Paraguai de chinelos, colete a prova de balas, bermuda, camiseta polo e com a cara coberta por um capuz preto.

Escoltado, policiais paraguaios removeram o colete a prova de balas do traficante, além do capuz, e algemaram Piloto antes de o entregarem para as autoridades brasileiras, que já estavam o esperando em um helicóptero da Polícia Civil do Paraná.

Conheça quem é Marcelo Piloto

Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, mais conhecido como Marcelo Piloto, é um dos supostos chefes da facção Comando Vermelho, uma das mais procuradas do Brasil.

Piloto é suspeito de comandar o tráfico de drogas, roubos, assaltos à mão armada, assassinatos, associação criminosa, além de ser conhecido como um dos maiores fornecedores de armas e drogas que o Brasil já teve. 

 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.