Notícias

Mãe esconde o corpo do filho nas paredes da casa

A mulher alegou que não tinha condições financeiras para arcar com os custos do funeral

Carol
Carol Machado / Produtora
Mãe esconde o corpo do filho nas paredes da casa
Mulher esconde corpo do filho na parede de casa (Foto: Istook)

8 de novembro de 2021 - 11:53 - Atualizado em 8 de novembro de 2021 - 11:53

Uma mulher de 25 anos escondeu o cadáver do filho nas paredes de sua nova casa. De acordo com ela, o bebê de apenas um ano morreu em decorrência da síndrome da morte súbita infantil em fevereiro deste ano. A mulher identificada como Kylie Wilt, alegou que escondeu o corpo da criança, pois não tinha condições financeiras para arcar com o funeral. Em depoimento ela conta que pegou o cadáver do filho e colocou em uma caixa, fez um buraco na parede e depois cobriu com gesso.

Segundo investigadores, o serviço social foi na casa de Kylie Wilt que fica localizada na Pensilvânia, para perguntar sobre o paradeiro do bebê. A mulher disse às autoridades que o filho estava na Carolina do Norte sob os cuidados de outra pessoa. Contudo, logo depois ela mudou a história e revelou que o filho tinha morrido em fevereiro. 

Segundo o site Daily Star, o serviço social já estava investigando a mãe, pois quando o bebê nasceu tinha THC em seu organismo, componente que é encontrado em drogas.

Kylie disse à polícia que depois que o bebê morreu ela ficou nervosa. Então, ela o namorado e seus outros três filhos se mudaram para outra casa e levaram o cadáver com eles. 

Um dos vizinhos alegou que sempre ouvia os choros da criança, mas que de repente os choros cessaram. O mesmo vizinho disse que achou a informação sobre a morte do bebê suspeita, pois nunca viu uma ambulância chegando ao local.

“Eu nunca vi uma ambulância. Você não ligaria para o 911 se o seu bebê não estivesse respondendo a você?”

disse um vizinho em entrevista ao jornal local

Wilt é acusada de ocultar a morte de uma criança, abuso de cadáver, fraude de previdência, obstrução da justiça e alteração de provas. O pai da criança também enfrenta acusações. As autoridades investigam a causa da morte do bebê.