Notícias

Mãe de vitimas de incêndio em Morretes saiu para pedir comida ao vizinho

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

12 de julho de 2017 - 00:00 - Atualizado em 12 de julho de 2017 - 00:00

Mãe dos meninos chora ao ver caixões entrando no carro funerário (Foto: Luciano Chinasso/RICTV Curitiba)

Moradores afirmaram que as crianças estavam chorando de fome e a mãe foi até o vizinho pedir um pacote de macarrão

*Com informações do repórter Tiago Silva, da RICTV Curitiba

Os dois irmãos, de 2 e 3 anos, que morreram vítimas de um incêndio na casa onde moravam, em Morretes, no Litoral do Paraná, foram sepultados nesta quarta-feira (12) em Antonina. A mãe está inconsolável e precisou ser amparada várias vezes durante o velório.

A dor e a consternação tomaram conta de toda a vizinhança no bairro Sapitanduva, onde a família morava. De acordo com vizinhos que ajudaram a socorrer as crianças, a mãe dos meninos estava desempregada e deixou os filhos sozinhos para ir até a vizinha pedir um pacote de macarrão.

“As crianças estavam chorando de fome e ela estava sem nada em casa. Estava contando só com a ajuda da avó e dos vizinhos. O que me dói é pensar que esses meninos morreram com fome”, lamentou a moradora.

A mulher é mãe solteira de outros quatro filhos. Um menino de 4 anos estava na residência e conseguiu escapar antes da casa ser tomada pelas chamas. Outros três adolescentes moram com o pai em Antonina.

A vizinha também contou como foi prestado socorro às crianças. “Quando eu vi a fumaça, eu pensei que a mãe deles estava queimando algum lixo, alguma coisa. Daí ouvimos os gritos e quando chegamos lá, já estava pegando fogo em tudo”, relembrou.

Segundo ela, a imagem dos meninos com os corpos queimando nunca será esquecida. “Eu e a minha mãe tiramos a fralda do menor, estava queimando. Essa imagem não vai sair da minha cabeça, disse a mulher quase chorando.

Investigações

O delegado titular de Morretes, Antonio Pereira dos Santos, disse que o inquérito e a vistoria do Corpo de Bombeiros ainda vão apurar o que teria causado o incêndio. Depois de determinadas as causas, é que serão apurados os responsáveis pela tragédia.

Na reportagem de Tiago Silva, para o Balanço Geral Curitiba, você confere imagens da casa completamente destruída e o depoimento de outros vizinhos da família. Assita abaixo:

Veja também:

Mulher morre carbonizada enquanto dormia em Curitiba

Duas pessoas morrem carbonizadas durante incêndio em Foz do Iguaçu