Notícias

Jovem morre depois de pegar carona na parte de trás de caminhão-tanque

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

11 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 11 de fevereiro de 2019 - 00:00

Adolescente cai de caminhão e morre em Londrina. (Foto: Reprodução/RICTV)

A garota de 15 anos caiu do veículo; uma amiga que estava junto quebrou as duas pernas

Uma jovem de 15 anos morreu após pegar carona na parte de trás de um caminhão-tanque em Londrina, no norte do Paraná. Paola da Silva Oliveira perdeu a vida depois que caiu do veículo na tarde deste domingo (10). Uma amiga que estava junto quebrou as duas pernas.

O velório ocorreu nesta segunda (11) e foi tomado de comoção diante da tragédia. Segundo familiares da adolescente, quando ela saiu de casa com os amigos estava muito animada e feliz com o passeio.  “Ela saiu de casa para se divertir, daí, já, logo em seguida chegou essa notícia muito triste”, contou a prima Luzinete dos Santos.

Carona de caminhão em Londrina

Conforme amigos que estavam junto com Paola, eles seguiam por uma estrada de terra em direção a uma cachoeira quando o caminhão passou por eles. O motorista teria então parado o veículo e oferecido carona ao grupo de aproximadamente oito pessoas. Na sequência, todos subiram na parte de carga do veículo – que não possui carroceria, mas sim uma estrutura onde eles se equilibraram e alguns ganchos onde se seguraram – e seguiram viagem dependurados.

Caminhão onde os jovens pegaram caronas pendurados em Londrina. (Foto: Reprodução/RICTV)

No entanto, como a estrada de terra era muito irregular, em certo momento, o caminhão passou por um buraco, a armação onde as duas estavam cedeu e ambas caíram. “Teve uma hora que o caminhão foi com tudo, passou num buraco, daí foi que todo mundo pulou”, lembra emocionada uma amiga menor de idade, que não quis se identificar

Ainda conforme a garota, eles gritaram para o condutor que parou o veículo e foi atrás de ajuda.

Stéfany Mariara Paiva, 20 anos, sofreu fraturas graves nas duas pernas e permanece internada no Hospital Evangélico de Londrina. Segundo a instituição, seu quadro de saúde é estável.

Testemunha viu Boechat pular de helicóptero e ser atingido após queda

Mãe que empurrou carrinho de bebê e derrubou filha permanece presa

Anabolizantes que tinham academia de Curitiba como destino são apreendidos

Assista à reportagem completa:

O Balanço Geral Londrina conversou com uma das meninas que estava junto no caminhão. 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.