Notícias

Japão pretende retirar Coreia do Sul de lista de países comerciais favorecidos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de julho de 2019 - 00:00 - Atualizado em 26 de julho de 2019 - 00:00

Autoridades japonesas disseram que estão buscando procedimentos para reduzir o status da Coreia do Sul na lista de parceiros comerciais mais favorecidos pelo Japão. A medida indica uma escalada nas tensões comerciais entre os dois países no momento em que Tóquio aperta os controles de exportação sobre materiais sensíveis para os sul-coreanos.

Nesta sexta-feira, a imprensa japonesa informou que o gabinete do primeiro-ministro Shinzo Abe irá propor um plano para retirar a Coreia do Sul da lista de 27 países que receberam o status de comércio preferencial. O secretário-chefe do gabinete, Yoshihide Suga, não confirmou a data, mas disse que o Japão está avançando conforme o planejado. A retirada dos sul-coreanos da lista entraria em vigor três semanas após a aprovação do gabinete, o que poderia ocorrer em torno de 23 de agosto.

Em 4 de julho, o Japão começou a exigir licenças de exportação caso a caso para a Coreia do Sul de três materiais usados em dispositivos de alta tecnologia. Tóquio também anunciou planos de retirar Seul de sua lista de países autorizados para o status de comércio preferencial, aguardando “comentários públicos” e aprovação do gabinete. Fonte: Associated Press.