Notícias

Irmãos acusados de abuso de jovem e avô acusado de abuso de neto são presos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

19 de abril de 2017 - 00:00 - Atualizado em 19 de abril de 2017 - 00:00

Casos ocorreram em Jacarezinho, no norte paranaense (Foto: Polícia Civil do Paraná)

A garota que teve relações sexuais com os irmãos engravidou; ela tinha 13 anos, o que caracteriza estupro presumido

A Delegacia da Mulher (DM) de Jacarezinho prendeu na última segunda-feira (17), três homens de 27, 29 e 67 anos, suspeitos de cometer crimes sexuais. Os suspeitos foram localizados nos bairros Dourado e Jardim São Luiz, através de mandados de prisão condenatória expedidos pela Vara Criminal do município.

As prisões foram cumpridas logo depois que a Polícia Civil foi notificada sobre as expedições dos mandados judiciais.

O homem de 67 anos foi preso pela polícia no bairro Dourado, região rural da cidade. Em abril de 2005, investigações constataram que o suspeito teria abusado sexualmente do neto, na época dos fatos com 10 anos de idade. Ele responderá em regime fechado pelo crime de atentado violento ao pudor, condenado a nove anos de prisão.

Em outro caso, a DM de Jacarezinho prendeu dois irmãos, de 27 e 29 anos, ambos suspeitos de estupro de vulnerável contra uma menina de 13 anos no ano de 2015. Segundo investigações apuradas pela especializada, a dupla manteve relações sexuais com a menor, que acabou engravidando de um dos suspeitos.

A delegada da DM de Jacarezinho, Caroline dos Santos Fernandes, comenta sobre o caso. “A relação sexual com menores de 14 anos é vedada pela legislação penal, mesmo que haja o consentimento da vítima”, diz.

Os suspeitos foram condenados a oito anos de prisão em regime semiaberto.