Internacionais

Vilarejo ancestral indiano de Kamala Harris demonstra apoio com cartazes e preces

Reuters
Reuters
Vilarejo ancestral indiano de Kamala Harris demonstra apoio com cartazes e preces
.

27 de outubro de 2020 - 12:43 - Atualizado em 27 de outubro de 2020 - 12:45

Por Sudarshan Varadhan

THULASENDRAPURAM, Índia (Reuters) – Um grande cartaz da candidata democrata a vice-presidente dos Estados Unidos, Kamala Harris, dá as boas vindas aos visitantes de Thulasendrapuram, um vilarejo exuberante do sul da Índia que está rezando pela vitória do Partido Democrata na eleição presidencial de 3 de novembro.

Foi no vilarejo, localizado cerca de 320 quilômetros ao sul da cidade de Chennai, que o avô materno de Harris nasceu mais de um século atrás.

Seus moradores irradiam orgulho do que a primeira senadora norte-americana de ascendência sul-asiática já conquistou, e muitos estão torcendo por um resultado eleitoral que faça dela a segunda pessoa mais poderosa do país mais rico do mundo.

“De Thulasendrapuram para a América”, declara um dos quase doze cartazes nos quais Harris sorri.

“Nós, o povo de Thulasendrapuram, desejamos o sucesso eleitoral da indicada a vice-presidente americana Kamala Harris, cujos ancestrais eram nativos de Thulasendrapuram.”

O avô de Harris, P.V. Gopalan, e sua família migraram quase 90 anos atrás para Chennai, onde ele se aposentou como autoridade de alto escalão do governo.

Harris, cuja mãe indiana e pai jamaicano imigraram aos Estados Unidos para estudar, visitou Thulasendrapuram quando tinha somente cinco anos e evocou muitas vezes as caminhadas instrutivas que teve com o avô nas praias de Chennai.

Moradores de áreas vizinhas também estão em contato com um templo local para realizar um “abhishekam”, que às vezes envolver derramar leite sobre o ídolo de um deus hindu, para orar pela vitória de Harris.

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG9Q1JG-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.