Internacionais

Tigre que já matou e comeu oito pessoas continua a solto: incapturável

Ninguém consegue caçar o grande felino que desenvolveu gosto pela carne humana; a última vítima foi um idoso de 70 anos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Tigre que já matou e comeu oito pessoas continua a solto: incapturável
Foto: Reprodução/The Mirror

9 de outubro de 2020 - 17:47 - Atualizado em 9 de outubro de 2020 - 17:47

Um tigre que já matou e comeu oito pessoas na Índia continua solto porque ninguém consegue caçá-lo. A última vítima foi um idoso de 70 anos que foi atacada enquanto buscava lenha em uma floresta de Khambada na noite da última segunda-feira (5). 

Arvind Mundhe, conservador da floresta, disse ao Indian Express que Maroti Pendam foi buscar lenha e não voltou para casa no fim do dia. Preocupados, familiares e vizinhos esperaram amanhecer para entraram na mata e procurar por ele. Foi então que se depararam com seus restos mortais, ou seja, o pouco que o tigre não havia comido

“Temos tentado capturar o tigre usando dardos tranquilizantes, mas sem sucesso”, disse NR Praveen, um funcionário florestal no estado de Maharashtra.

De acordo com o The Indian Express, a morte de Pendam foi a segunda morte humana por ataques de grandes felinos em uma semana. No dia 1º de outubro, um leopardo matou um menino de 11 anos em Brahmapuri Tehsil, no mesmo distrito.

Tigre vem comento humanos há dois anos

Relatórios afirmam que o tigre que matou Pedam atacou e comeu o primeiro humano em 18 de janeiro de 2019, ou seja, as oito vítimas foram comidas em quase dois anos. O que significa que embora o felino tenha adquirido o gosto pela carne humana, ele não se alimenta exclusivamente pessoas.

Antes da morte de Pedam, o último registro de ataque do tigre em questão havia ocorrido em 26 de setembro, quando matou e comeu outro humano.

Além das oito vítimas que ele conseguiu comer, outras três foram atacadas, mas conseguiram fugir mesmo feridas. 

Existem vários casos de tigres que matam e comem pessoas na Índia. (Foto: Reprodução/The Mirror)

Tigres na Índia

Os tigres mataram muitas pessoas na Índia no passado. Em 2018, uma tigresa que se acredita ter matado 13 pessoas foi morta a tiros após uma grande caçada. Algumas de suas vítimas foram decapitadas ao serem massacradas até a morte no estado ocidental de Maharashtra.

O animal, conhecido como T-1, teria matado 10 pessoas no espaço de 20 meses desde 2016, enquanto suas vítimas mais recentes foram mortas em agosto de 2018. Ativistas pelos direitos dos animais pediram que a vida da tigresa fosse poupada. Mas ela foi morto perto da aldeia de Borati, com o Departamento Florestal dizendo que um único tiro a matou depois que ela atacou um veículo de patrulha, tendo sido atingido por um dardo tranquilizante.