Internacionais

Segurança atira em cliente de banco que se negou a usar máscara

O homem ficou caído na agência bancária e só foi socorrido quando sua esposa chegou no local

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Segurança atira em cliente de banco que se negou a usar máscara
Foto: Reprodução/Times of India

27 de junho de 2021 - 18:42 - Atualizado em 27 de junho de 2021 - 18:45

Um segurança atirou em um cliente de um banco indiano quando o homem tentou entrar no estabelecimento sem usar máscara de proteção contra a Covid-19. O incidente chocante ocorreu em uma agência do Bank of Baroda em Bareilly, no estado indiano de Uttar Pradesh, na última sexta-feira (25). 

De acordo com o Daily Star, Rajesh Kumar chegou na agência bancária sem máscara, por volta das 11h30, quando foi interceptado pelo segurança Keshav Prasad Mishra que tentou impedir sua entrada. Os dois acabaram discutindo e foi então que o disparo aconteceu. 

Já a esposa de Rajesh, Priyanka, declarou ao Times of India, que o seu marido foi baleado em sua segunda tentativa para entrar no banco e que, naquela ocasião, ele estava usando máscara

“Meu marido foi à agência do Banco de Baroda, onde mantém sua conta, para atualizar sua caderneta. Ele não estava usando máscara e foi impedido de entrar. Depois de algum tempo, ele voltou com uma máscara, mas o mesmo guarda novamente negou-lhe a entrada, dizendo que era hora do almoço”,

disse Priyanka. 
Nas imagens o cliente do banco baleado aparece com uma máscara no queixo. (Foto: Reprodução/Times of India)

Ainda segundo a mulher, depois de ferido seu marido foi deixado no chão e só foi socorrido quando ela chegou ao local. “Ninguém no banco ajudou meu marido, que fez uma ligação no celular de minha filha e nos informou sobre o incidente. Corri para o banco onde meu marido estava deitado no chão, enquanto nenhum dos funcionários do banco se preocupou em ajudá-lo. Eu o levei para o hospital em um riquixá.”

Em nota, o banco lamentou o ocorrido e afirmou estar dando todo o apoio financeiro necessário à família da vítima. 

O segurança do banco foi preso.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.