Internacionais

Mulher que teria dado à luz a 10 bebês é presa por inventar gravidez

A sul-africana que afirmou ter batido o recorde mundial ao dar à luz a dez bebês ao mesmo tempo foi encaminhada a uma clínica psiquiátrica

Aline
Aline Taveira / Produtora com informações do The Sun
Mulher que teria dado à luz a 10 bebês é presa por inventar gravidez
(Foto: Reprodução/The Sun)

21 de junho de 2021 - 16:45 - Atualizado em 21 de junho de 2021 - 16:45

A polícia sul-africana prendeu Gosiame Sithole, de 37 anos, na casa de um parente perto de Joanesburgo na madrugada da última quinta-feira (17). A mulher foi levada para uma delegacia de polícia, dias depois de ter sido dado como desaparecida.

A mulher de 37 anos ganhou espaço nas manchetes ao redor do mundo quando alegou que deu à luz a 10 bebês de uma vez em um hospital na cidade de Pretória, em 7 de junho. Mas, logo começaram a surgir dúvidas sobre sua história, além de as crianças nunca terem sido vistas diante das câmeras.

O Departamento Nacional de Saúde da África do Sul afirmou ao The Sun uma investigação concluiu que não há evidências de que as crianças existiram. Ainda segundo o The Sun, no entanto, um veículo de comunicação local insistiu que os nascimentos ocorreram e que houve um acobertamento para disfarçar negligência médica.

A polícia disse que a mulher não cometeu nenhum crime, e ela foi deixada aos cuidados da equipe do Departamento de Desenvolvimento Social de Gauteng, que a levou a um hospital psiquiátrico. Gosiame então acusou os parentes de seu marido de aceitar doações do público destinadas aos recém-nascidos, apesar de suas alegações de que eles não existiam.

A advogada de Gosiame, Refiloe Mokoena, afirma que ela está detida no hospital contra sua vontade e que irá solicitar uma ordem judicial para garantir sua libertação.

“Ela recusou que fosse levada ao Hospital Tembisa para uma avaliação psiquiátrica porque sentia fortemente que estava com a mente sã.”, afirmou a advogada.

Relembre o caso

A sul-africana Gosiame Sithole, de 37 anos, fez sucesso ao redor do mundo por ter, supostamente, quebrado o recorde mundial ao dar a luz a “décuplos”, em um hospital em Pretória, na África do Sul. Segundo seu marido, Teboho Tsotetsi, ela deu à luz sete meninos e três meninas, em uma cesariana com 29 semanas de gestação, o equivalente a sete meses e meio.

Gosiame disse em entrevista, na época, que não acreditou quando os médicos disseram que ela estava grávida de sêxtuplos – ou seja, seis bebês. Logo depois, mais exames revelaram que eram, na verdade, oito bebês. Foi somente na hora da cesariana que mais dois bebês foram descobertos, completando um total de 10 filhos. 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.