Internacionais

Japão pede que hospitais de Tóquio aceitem mais pacientes de Covid-19

Reuters
Reuters
Japão pede que hospitais de Tóquio aceitem mais pacientes de Covid-19
Japão pede que hospitais de Tóquio aceitem mais pacientes de Covid-19

23 de agosto de 2021 - 12:27 - Atualizado em 23 de agosto de 2021 - 12:30

TÓQUIO (Reuters) – O governo do Japão e o governo metropolitano de Tóquio apelaram nesta segunda-feira aos hospitais da capital para que aceitem mais pacientes de Covid-19, já que as infecções crescentes tornam cada vez mais difícil ter acesso a cuidados.

Menos de um de cada 10 pacientes de coronavírus está hospitalizado em Tóquio, o que atiça a frustração pública com a reação governamental à Covid-19 e mina o apoio do eleitorado ao primeiro-ministro Yoshihide Suga.

“A transmissibilidade forte da variante Delta não é comparável às anteriores”, disse o ministro da Saúde, Norihisa Tamura, ao lado da governadora de Tóquio, Yuriko Koike.

“Gostaríamos de ter mais apoio da comunidade médica para obter leitos hospitalares para pacientes de coronavírus.”

Foi a primeira vez que o governo nacional emitiu tal apelo com base na lei de controle de doenças infecciosas, disse Tamura.

Como as infecções não dão sinais de desaceleração, o governo está cogitando ampliar as áreas cobertas pelas medidas do estado de emergência, relatou a agência de notícias Kyodo. Atualmente, as medidas estão em vigor em 13 municípios, incluindo Tóquio.

Enquanto o número de infecções vem batendo recordes diários no país, o número de mortes diárias está em menos de um quarto do recorde de 216 fatalidades visto em 18 de maio, já que mais pessoas estão sendo vacinadas.

No domingo, o Japão relatou 22.302 casos de Covid-19 e 24 mortes, segundo a emissora pública NHK.

(Por Kiyoshi Takenaka)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH7M0QF-BASEIMAGE