Internacionais

Homem leva mordida após pedir que passageiro de ônibus use máscara

Robert Murphy, de 57 anos, viajava em um coletivo em Merksem, na Bélgica, quando tudo aconteceu

Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora com informações do R7
Homem leva mordida após pedir que passageiro de ônibus use máscara
Foto: Montagem/R7

31 de julho de 2020 - 11:20 - Atualizado em 31 de julho de 2020 - 11:20

Um homem levou duas mordidas no peito logo depois de pedir que um dos passageiros do ônibus onde estavam colocasse a máscara para evitar a propagação do novo coronavírus.

De acordo com o jornal Algemeen Dagblad, Robert Murphy, de 57 anos, viajava em um coletivo em Merksem, na Bélgica, quando tudo aconteceu.

Antes da agressão, o homem contou em entrevista que levou um espirro na nuca vindo do ocupante do banco atrás do dele:

“Me virei e expliquei que uma máscara na boca não deveria infectar outras pessoas. Ele pediu desculpas”.

Homem leva mordida no peito e casal responsável é preso pela polícia

Em seguida, Robert conta que um casal subiu no ônibus com máscaras penduradas no queixo, e imediatamente ele resolveu orientar a dupla de como fazer o uso correto da máscara.

Apesar da boa vontade de Robert, o homem recusou a colocar a máscara e partiu pra cima dele.

“Tentei me libertar, mas de repente ele se jogou sobre o meu peito e começou a morder”.

Pra sua sorte, passageiros conseguiram tirar o agressor, e Robert desceu do coletivo logo na sequência.

Apesar da tentativa de fuga, a polícia conseguiu deter o casal responsável pela ação.

Por fim, Robert foi encaminhado ao hospital para atendimento, mas ainda não conseguiu realizar o teste de coronavírus por não conseguir provar que o agressor estava contaminado: “dedos cruzados pra não ser infectado”, finalizou ele.

Veja outras notícias internacionais no RIC Mais.