Internacionais

Geórgia diz que auditoria manual de contagem de votos não alterou vitória de Biden

Reuters
Reuters
Geórgia diz que auditoria manual de contagem de votos não alterou vitória de Biden
Presidente eleito dos EUA, Joe Biden, em Wilmington, Delaware

19 de novembro de 2020 - 21:52 - Atualizado em 19 de novembro de 2020 - 21:56

Por Simon Lewis

WASHINGTON (Reuters) – O Secretário de Estado da Geórgia, Brad Raffensperger, disse nesta quinta-feira que uma auditoria manual da contagem de votos confirmou a vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais do último dia 3 de novembro no Estado.

Uma auditoria foi iniciada após resultados não oficiais mostrarem que Biden tinha vantagem de 14 mil votos sobre o presidente Donald Trump.

Raffensperger disse que “não há dúvidas” de que o Estado confirmaria a vitória de Biden na sexta-feira.

“A auditoria alinha de maneira muito próxima informações que tínhamos na noite da eleição”, disse Raffensperger ao canal de televisão local WSB-TV. “É muito próximo, quase nada de diferença”. 

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEGAJ01E-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.