Internacionais

França vê mais aumentos em pacientes de coronavírus sob tratamento intensivo

Reuters
Reuters

27 de março de 2021 - 17:23 - Atualizado em 27 de março de 2021 - 17:23

PARIS (Reuters) – O número de pacientes com coronavírus em unidades de tratamento intensivo da França cresceu neste sábado para a maior taxa deste ano, segundo dados do ministério da Saúde, e o governo foi cobrado para aplicar medidas rígidas de lockdown para conter uma terceira onda de infecções.

A França tinha 4.791 pacientes na UTI sendo tratados para Covid-19, de 4.766 na sexta-feira, mostraram os dados.

Mais 194 mortes relacionadas ao vírus foram registradas em hospitais nas últimas 24 horas, segundo os dados.

Os números de tratamento intensivo estão se aproximando da alta registrada em meados de novembro, durante a segunda onda do vírus, embora permaneçam bem abaixo das mais de 7.000 internações durante o lockdown inicial de 2020 na primavera do hemisfério norte.

Médicos alertam que as unidades de tratamento intensivo nas regiões mais afetadas podem ficar sobrecarregadas, e muitos dizem que o governo precisa ir além de medidas parciais de lockdown.

O presidente francês, Emmanuel Macron, defendeu esta semana a decisão de não impor um terceiro lockdown, mas afirmou que mais medidas de restrição seriam provavelmente necessárias.

(Reportagem de Gus Trompiz e Gwenaelle Barzic)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.