Internacionais

‘Eu amamento meu namorado antes do sexo’, conta mãe de dois filhos

O casal vai estrear um documentário sobre amamentação de adultos na próxima segunda-feira (25)

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
‘Eu amamento meu namorado antes do sexo’, conta mãe de dois filhos
Foto: Reprodução/The Mirror

21 de outubro de 2021 - 17:49 - Atualizado em 21 de outubro de 2021 - 17:49

Uma mãe de dois filhos, que sentiu falta dar de mamar para seus bebês, começou a amamentar o namorado, sob a alegação de que isso os deixa com vontade de manter relações sexuais. Lana Michaels, que conheceu seu namorado Shawn por meio de um aplicativo de namoro vegano, diz que a prática é a preliminar perfeita para eles.

De acordo com o The Mirror, Lana, que trabalhava como professora, tem uma filha de sete anos e um filho de 11 anos de um relacionamento anterior, mas quando eles cresceram, ela sentiu falta de amamentá-los. A saudade só terminou há 18 meses, quando ela e o atual companheiro experimentaram a amamentação pela primeira vez. Segundo o relato de Lana, o ‘ritual’ cria “energia física” entre eles antes das relações sexuais. 

“Amamentei meus filhos e realmente senti falta da amamentação e de como senti-la. Não quero ter outro bebê e meus filhos estão muito velhos para amamentar agora, mas gostei da ideia de amamentar com Shawn”,

explicou ela.

A dupla vai estrelar um documentário do Channel 4, Breastfeeding my Boyfriend, sobre a amamentação de adultos na próxima noite de segunda-feira (25). O casal, que tem um relacionamento aberto, teve a ideia do aleitamento materno adulto depois de ter um quarteto com outras pessoas.

Depois da experiência, Lana pesquisou sobre amamentação online e descobriu que poderia reiniciar seu suprimento de leite tomando suplementos de ervas. Ela resolveu tentar e, três dias depois, o leite começou a fluir de seus seios

Eles também querem mostrar ao mundo que o aleitamento materno não é “estranho” e que não deveria haver tabus em torno disso.

“Há mais impacto negativo em escravizar um animal como uma vaca do que beber leite humano feito para nós. Não há crueldade ou dor na amamentação de adultos. Ela obtém prazer, eu obtenho prazer e recebo nutrição. Ela está feliz, eu estou feliz, então qual é o problema?”,

disse o namorado da jovem.