Internacionais

Comissão Europeia diz que contrato da AstraZeneca obriga entrega de vacinas

Reuters
Reuters
Comissão Europeia diz que contrato da AstraZeneca obriga entrega de vacinas
Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen em Bruxelas

29 de janeiro de 2021 - 11:02 - Atualizado em 29 de janeiro de 2021 - 16:24

Por Caroline Copley e Francesco Guarascio

BERLIM/BRUXELAS (Reuters) – O contrato que a União Europeia fechou com a AstraZeneca para receber sua vacina contra Covid-19 contém cláusulas de obrigatoriedade, disse a chefe da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, nesta sexta-feira enquanto o bloco continua a pressionar a farmacêutica a entregar as remessas prometidas.

A UE está envolvida em uma disputa com a AstraZeneca, que desenvolveu sua vacina em parceria com a Universidade de Oxford britânica, desde que a empresa disse na semana passada que reduziria o suprimento no primeiro trimestre devido a problemas de produção em sua fábrica belga.

Segundo uma autoridade da UE, isto significa que o bloco receberá 31 milhões de doses no período, ou 60% menos do que o combinado inicialmente, aumentando a pressão sobre a entidade de 27 países, cujas campanhas de vacinação estão atrás das de Israel, Reino Unido e Estados Unidos.

“Existem cláusulas de obrigatoriedade, e o contrato é cristalino”, disse Von der Leyen à rádio Deutschlandfunk, acrescentando que ele contém quantidades de remessas para dezembro e para os três primeiros trimestres de 2021.

“A AstraZeneca também nos garantiu explicitamente neste contrato que nenhuma outra obrigação impediria o cumprimento do contrato”, disse.

Os comentários de Von der Leyen contradisseram os do presidente-executivo da AstraZeneca, Pascal Soriot, que na terça-feira disse a jornais que o contrato com a UE se baseou em uma cláusula de “melhor esforço” e não comprometeu a farmacêutica com um cronograma específico de entregas.

(Por Caroline Copley)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH0S12P-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.