Notícias

“Não tem o que fazer”, diz funcionário do INSS a servidores em mais um dia sem atendimentos

Funcionário explicou que o administrativo está funcionando, porém os peritos ainda não apareceram para trabalhar

Guilherme
Guilherme Becker / Editor reportagem da RIC Record TV Curitiba
“Não tem o que fazer”, diz funcionário do INSS a servidores em mais um dia sem atendimentos
(FOTO: REPRODUÇÃO/ RIC RECORD TV)

15 de setembro de 2020 - 08:06 - Atualizado em 15 de setembro de 2020 - 08:06

Pelo segundo dia consecutivo, as agências Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não realizaram os atendimentos agendados para perícia em Curitiba. Na manhã desta terça-feira (15), novamente os servidores voltaram a fazer longas filas em frente a sede, mas foram informados que as consultas marcadas devem ser agendadas outra vez.

De acordo com um funcionário, que foi até os servidores que estavam na fila para informar sobre os atendimentos, o serviço administrativa está sendo realizado, porém, os médicos peritos continuam sem ir até as agências por receio de contaminação, “nós estamos trabalhando”.

Em nota, a classe dos peritos informou que os serviços não foram retomados pois as agências do INSS precisam de adequações para cumprir as medidas de segurança. 

Pelo Paraná várias cidades registraram problemas no atendimento, que estava marcado para ser retomado nesta segunda-feira (14). Em Cascavel, no oeste, a agência nem abriu alegando greve sanitária.