Inova Mais

Tesla negocia com chinesa EVE para baterias de baixo custo, dizem fontes

Reuters
Reuters
Tesla negocia com chinesa EVE para baterias de baixo custo, dizem fontes
Tesla

14 de maio de 2021 - 13:06 - Atualizado em 14 de maio de 2021 - 13:10

XANGAI/HONG KONG (Reuters) – A Tesla negocia com a fabricante chinesa de baterias EVE Energy para adicioná-la à sua cadeia de insumos da fábrica em Xangai, disseram quatro fontes a par do assunto, conforme busca elevar a compra de baterias de baixo custo.

A EVE fabrica baterias de fosfato de ferro-lítio (LFP), mais baratas porque usam ferro em vez de níquel e cobalto. Mas as baterias LFP geralmente oferecem um alcance mais curto com uma única carga do que a alternativa mais popular de níquel/cobalto. A EVE se tornaria a segundo fornecedora de baterias LFP para a Tesla, além da Amperex (CATL).

As negociações estão avançadas e a Tesla busca finalizar a parceria no terceiro trimestre, disseram duas fontes.

Tesla e EVE não responderam aos pedidos de comentários da Reuters.

As negociações acontecem no momento em que a Tesla enfrenta crescente competição de rivais chineses como Nio e Li Auto, bem como a crescente pressão de custos.

A EVE, que fornece baterias para a fabricante chinesa de carros elétricos Xpeng, também tem parcerias de fornecimento de bateria com BMW e Daimler.

(Reportagem de Zhang Yan e Julie Zhu)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH4D0ZE-BASEIMAGE