Inova Mais

Pentágono descarta acordo de U$10 bi do governo Trump com a Microsoft

Reuters
Reuters
Pentágono descarta acordo de U$10 bi do governo Trump com a Microsoft
Logo da Microsoft

6 de julho de 2021 - 16:18 - Atualizado em 6 de julho de 2021 - 16:20

WASHINGTON (Reuters) – O Departamento de Defesa dos Estados Unidos cancelou nesta terça-feira seu projeto de computação em nuvem conhecido como Jedi, avaliado em 10 bilhões de dólares, descartando o acordo do governo Trump com a Microsoft e anunciando um nova concorrência que coloca a gigante de software contra a rival Amazon.com.

Inicialmente, o Pentágono disse que Amazon e Microsoft são as únicas empresas que conseguem atender as exigências do departamento, mas mais tarde observou em uma coletiva de imprensa que fará contato com outros provedores de computação em nuvem nos próximos três meses se estes também atenderem os padrões do governo.

Entre estes estão a Oracle, o Google, da Alphabet e a IBM.

As ações da Microsoft caíram um pouco mais de 1% após a notícia, e as ações da Amazon subiram mais de 3%.

Agora cancelado, o contrato Empreendimento Conjunto de Infraestrutura de Defesa em Nuvem (Jedi) estava orçado em até 10 bilhões de dólares e era parte de uma modernização digital mais abrangente do Pentágono que visa torná-lo mais ágil tecnologicamente.

“Ainda não temos uma estimativa, mas eu não me ateria à cifra de 10 bilhões”, disse John Sherman, principal autoridade de informação do Departamento de Defesa.

O contrato Jedi foi concedido à Microsoft em 2019, mas a Amazon iniciou um processo rapidamente para objetar. Vista como favorita para conquistar o projeto, a Amazon argumenta que o processo do contrato refletiu uma influência indevida do ex-presidente Donald Trump.

(Por Diane Bartz e David Shepardson)

tagreuters.com2021binary_LYNXNPEH6515Z-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.