Inova Mais

LG considera diversas opções para divisão de smartphones

Reuters
Reuters
LG considera diversas opções para divisão de smartphones
Celulares de duas telas da LG em feira na Alemanha

20 de janeiro de 2021 - 11:47 - Atualizado em 20 de janeiro de 2021 - 11:50

Por Heekyong Yang e Joyce Lee

SEUL (Reuters) – A LG Electronics disse nesta quarta-feira que está considerando todas as opções para sua deficitária divisão de celulares, que, segundo analistas, pode incluir o fechamento da área ou a venda de partes da unidade.

A LG disse em comunicado que 23 trimestres consecutivos de prejuízos em seus negócios de telefonia móvel totalizaram cerca de 5 trilhões de wons (4,5 bilhões de dólares) de perdas em meio à forte concorrência.

As ações da LG fecharam em alta de 12,8%, contra uma alta de 0,7% no índice KOSPI da Coreia do Sul.

“No mercado global, a competição no setor de telefonia móvel, incluindo smartphones, ficou mais acirrada”, disse a LG no sinal mais claro de que poderia estar considerando o encerramento do negócio.

“A LG Electronics acredita que chegamos ao ponto em que precisamos tomar a melhor decisão sobre nosso negócio de telefonia móvel, considerando a competitividade atual e futura.”

O presidente-executivo, Brian Kwon, disse que a empresa planeja manter os funcionários, independentemente do que aconteça com a unidade.

Embora classificada como a terceira maior empresa no mercado global de smartphones no primeiro trimestre de 2013 pela Strategy Analytics, a LG não aparece nem entre as sete primeiras no terceiro trimestre de 2020, depois de perder terreno para fabricantes chineses, disse a empresa de pesquisa Counterpoint.

Analistas disseram que se a LG decidir encerrar o negócio de telefonia móvel, poderá aumentar seu valor de mercado em cerca de 4 trilhões de wons.

O encerramento da divisão também pode ajudar a LG a se concentrar na expansão de componentes eletrônicos para veículos, onde recentemente lançou uma joint venture com a fornecedora automotiva Magna International para fabricar dispositivos para carros elétricos.

“Os negócios de dispositivos móveis (da LG) fizeram todo o possível para reduzir custos”, disse Ko Eui-young, analista da Hi Investment & Securities.

“Agora a empresa está em um ponto em que precisa aumentar as vendas obtendo participação de mercado da Samsung Electronics e da Apple, mas isso não é visto como muito viável, o que torna difícil para o negócio melhorar sua situação deficitária.”

(Por Heekyong Yang e Joyce Lee)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH0J106-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.