Notícias

Incêndio destrói pneus do autódromo de Londrina

Fogo teve início próximo à linha férrea e o vento levou as labaredas até o autódromo

Guilherme
Guilherme Becker / Editor reportagem RIC Record TV, Londrina
Incêndio destrói pneus do autódromo de Londrina
(FOTO: REPRODUÇÃO/ RIC RECORD TV LONDRINA)

2 de abril de 2020 - 00:00 - Atualizado em 1 de julho de 2020 - 15:44

Foram necessários três caminhões e uma carreta do Corpo de Bombeiros para conter o incêndio no autódromo e kartódromo de Londrina, no norte do Paraná. Na tarde desta quinta-feira (2), chamas, que teriam iniciado próximo a linha férrea, se alastraram com o vento e atingiram pneus do guardrail da pista.

No início, os bombeiros planejaram isolar os pneus que não foram atingidos e aguardar que os outros fossem totalmente consumidos pelas chamas. Entretanto, tiveram que mudar de estratégia pois o vento mudou a direção e começou a levar fumaça para residências vizinhas.

Incêndio no autódromo de Londrina

A fumaça preta tomou conta do céu de Londrina. De diversos pontos da cidade era possível enxergar a nuvem tóxica. O fogo começou à tarde, em um matagal na zona norte. O vento forte e o calor ajudaram a espalhar as chamas, que logo atingiram a barreira de proteção do autódromo. Cerca de 4 mil pneus do guardrail foram consumidos pelas labaredas.

Por volta das 16h30 as chamas foram controladas graças ao trabalho do Corpo de Bombeiros. Quase 40 mil litros de água, além de espuma foram utilizados para conter o incêndio no autódromo. Confira imagens:

A administração do autódromo divulgou uma nota oficial:

“Estamos fechados pela quarentena, colocaram fogo na linha férrea e com o vento as chamas adentrou no autódromo atingindo as barreiras de pneus da descida da caixa d’água.”