Agronegócio

IGC eleva previsão de estoques globais de grãos para 601 mi de t

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

26 de setembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 26 de setembro de 2019 - 00:00

São Paulo, 26 – O Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês) elevou, nesta quinta-feira, 26, em 3 milhões de toneladas a sua estimativa para os estoques globais no fim da temporada 2019/20, para 601 milhões de toneladas. A alta, de acordo com a entidade, se deve a um estoque inicial maior do que inicialmente previsto, em particular nos Estados Unidos – principalmente de milho – e no Canadá – de trigo.

As estimativas de produção e consumo globais na safra 2019/20 ficaram inalteradas em relação às projeções de agosto, em 2,159 bilhões de toneladas e 2,186 bilhões de toneladas, respectivamente.

A previsão de produção global da safra 2019/20 de soja foi cortada de 344 milhões de toneladas para 342 milhões de toneladas. Já a estimativa para a colheita de milho foi levemente reduzida de 1,1 bilhão de toneladas para 1,099 bilhão de toneladas. Para o trigo, a estimativa de produção foi mantida em 764 milhões de toneladas.

O índice de preços de Grãos e Oleaginosas do IGC avançou 1% desde a última revisão mensal, após quedas expressivas nos dois meses anteriores. Segundo a entidade, o indicador foi impulsionado principalmente por ganhos em trigo e milho.

Para a safra 2018/19, a entidade aumentou levemente a previsão de colheita para 2,143 bilhões de toneladas. Se confirmados os números, a produção em 2019/20 será ligeiramente maior que a temporada anterior (+0,75%).

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.