Notícias

Homem se entrega à Polícia e confessa 4 homicídios em Quatro Barras

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

1 de junho de 2016 - 00:00 - Atualizado em 1 de junho de 2016 - 00:00

Foto: Polícia Civil

Crime aconteceu no dia 8 de maio. Quatro pessoas foram mortas a tiros dentro de um Gol branco

A Polícia Civil do Paraná apresentou na tarde desta quarta-feira (1°) o autor da chacina com quatro vítimas na cidade de Quatro Barras, Região Metropolitana de Curitiba. O crime aconteceu no último dia 8 de maio. Alex Galvão Otto, de 25 anos, se apresentou voluntariamente à polícia no final da tarde de sexta-feira (27) e confessou os crimes.

Segundo a Polícia, no dia do crime, as quatro vítimas estavam em um churrasco em Piraquara quando decidiram matar o atirador. O motivo seria a disputa pelo comando do tráfico de drogas na região.

O grupo e mais um homem, que sobreviveu aos tiros, foram até a casa de Otto, o colocaram dentro de um véiculo Gol branco e o levaram até Quatro Barras com a intenção de executá-lo. No caminho para o local onde seria a execução, a arma de um dos homens caiu, e Otto, que até então era refém, se aproveitou da situação e efetuou vários disparos e fugiu.

Jhony de Camargo Ambrosio, de 27 anos; Josnei Machado, de 33 anos; Maicon André Alves de Avelar Maciel, de 28 anos, e Edilson Farias, o “Japa”, de 28 anos, morreram no local. David Willian, de 18 anos, ficou ferido, mas sobreviveu.

“Ainda faltam alguns detalhes importantes, mas sob o ponto de vista da investigação o nosso trabalho está concluído”, afirmou o delegado-titular da Delegacia de Quatro Barras, Haroldo Davison, que deve concluir o inquérito policial nos próximos dias e encaminhá-lo ao Poder Judiciário.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.