Notícias

Homem mata o pai após o confundir com javali durante caça

O homem foi acusado de assassinato e teve as armas confiscadas

Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora
Homem mata o pai após o confundir com javali durante caça

24 de setembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 24 de setembro de 2019 - 00:00

No último sábado (21), um homem matou o pai ao confundi-lo com um javali durante uma programação de caça da dupla. Martin Gaudioso, de 55 anos, caçava javalis em uma floresta no sul da Itália, quando acidentalmente acabou atingido pelo filho.

De acordo com a polícia local, o pai e filho estavam caçando antes do início oficial da temporada, que começa em outubro. Além disso, ambos estavam uma área que fica fora da permitida para caçadores.

Homem mata o pai após o confundir com animal

No local, os dois estavam em uma área cheia de árvores nas montanhas de Alburni, a cerca de 120 km de Nápoles.

Conforme as autoridades, pouco tempo depois de chegarem à floresta, os dois cachorros que os acompanhavam começaram a latir, indicando a presença de javalis.

Sem querer, Martin Gaudioso acabou entrando na linha de tiro do filho, que confundiu a silhueta do homem com o animal.

“Ele disse que achou que tinha atirado em um javali, mas atirou no pai. Ele começou a procurar ajuda imediatamente… ele estava completamente destruído”.

O homem foi acusado de assassinato e teve o armamento confiscado.

Outros casos de caça que deram errado

Dois meses atrás, um outro caçador atirou na própria cabeça enquanto estava caçando.

Além disso, em outubro de 2018 um rapaz de 20 anos morreu depois de ser confundido com um javali pelo companheiro de caça, assim como aconteceu com Martin e seu filho.

Perigoso, né?

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.