Notícias

Homem é morto com mais de 17 tiros na Vila Guaíra

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

6 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 6 de fevereiro de 2019 - 00:00

Homem é morto na Vila Guaíra. (Foto: Lúcio André/RICTV)

O mecânico voltava para o local de trabalho a pé, depois de levar o carro de um cliente, quando foi surpreendido pelos criminosos

Um homem foi assassinado em plena luz do dia na Rua Augusto de Mari, na Vila Guaíra, em Curitiba, na tarde desta quarta-feira (6). Luciano de Lima, 40 anos, foi atingido com mais de 17 disparos de arma de fogo de uso restrito das forças armadas. (Assista vídeo abaixo)

Assassinato na Vila Guaíra

Luciano, que era mecânico, havia levado o carro de um cliente e voltava a pé para o local de trabalho quando foi surpreendido pelos assassinos. Conforme testemunhas, um veículo parou ao lado dele e um homem que estava no banco do caroneiro desceu e efetuou vários disparos. Ele morreu antes da chegada do socorro.

De acordo com a polícia, pelo menos quatro homens estavam dentro do veículo.

Três familiares assassinados em menos de seis meses

Em agosto de 2018, Luciano e o irmão Jeferson estavam em uma rua ao lado de onde ele foi morto quando os dois foram rendidos e obrigados a ficar de costas em um muro. Na ocasião, os atiradores teriam mandado que Luciano corresse e executaram Jeferson no local.

Segundo o delegado Osmar Feijó, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), os dois irmãos tinha passagens pela polícia. “Já tinha passagem, tanto ele quanto o irmão dele que já foi vítima de homicídio no ano passado”.

Vizinho da vítima também contaram que há cerca de dois meses o sobrinho do mecânico também foi assassinado nas proximidades.

Veículo carbonizado

Após o crime, o veículo usado para cometer o crime foi abandonado e incendiado em um terreno baldio na Vila Fanny, a poucas quadras da Rua Augusto de Mari. O veículo possuía alerta de roubo e ficou completamente carbonizado antes da chegada da polícia.  

Carro usado para matar o mecânico na Vila Guaíra foi incendiado. (Foto: Reprodução/RICTV
Assista à reportagem completa:

Lúcio André, da RICTV Curitiba, conta todos os detalhes.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.