Notícias

Governo de SP proíbe desmobilização de leitos para Covid-19 em hospitais públicos e privados

Reuters
Reuters
Governo de SP proíbe desmobilização de leitos para Covid-19 em hospitais públicos e privados
.

19 de novembro de 2020 - 13:23 - Atualizado em 19 de novembro de 2020 - 13:25

Por Eduardo Simões

SÃO PAULO (Reuters) – O governo do Estado de São Paulo proibiu todos os hospitais, das redes pública e privada, de desmobilizarem leitos voltados para o atendimento de infectados pela Covid-19 no Estado e também determinou a suspensão de novos agendamentos de cirurgias eletivas, em meio a um aumento da pandemia de coronavírus.

“O governo do Estado de São Paulo, em conjunto com a Secretaria de Saúde e com o Centro de Contingência do Covid-19, sempre com o compromisso de garantir e preservar vidas, assina hoje um decreto que determina a todos os hospitais públicos, filantrópicos e privados a não desmobilização de qualquer leito, seja ele de unidade de terapia intensiva ou de enfermaria, voltado para o atendimento da Covid-19”, disse o secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn.

“Assim como a não realização de novos agendamentos de cirurgias eletivas para que, desta forma, possamos garantir leitos para todos os pacientes com Covid que possam necessitar a assistência hospitalar”, acrescentou ele em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes.

Na segunda-feira, o governo estadual havia anunciado um aumento de 18% nas internações por Covid-19 no Estado, após hospitais particulares também reportarem um aumento nas hospitalizações por causa da doença.

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEGAI1FB-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.