Notícias

Governador Ratinho Junior propõe fim da aposentadoria de governadores

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

1 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 1 de fevereiro de 2019 - 00:00

O subsídio mensal para ex-governantes bruto de R$ 30.471,11 (Foto: Rodrigo Felix Leal/ANPr)

Ratinho Junior afirmou que a medida, que era um compromisso de campanha, se soma a outras ações do governo para diminuir o inchaço da máquina pública

O governador Ratinho Junior vai encaminhar à Assembleia Legislativa uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que propõe o fim do pagamento de aposentadorias de governadores. Os trabalhos do legislativo começam nesta sexta-feira (1º).

Pagamento de aposentadorias para governadores

Ratinho Junior afirmou que a medida, que era um compromisso de campanha, se soma a outras ações do governo para diminuir o inchaço da máquina pública. “Este é um compromisso que assumimos com o Paraná e um exemplo que damos ao Brasil. A partir de agora, encaminhamos o projeto à Assembleia para que os deputados possam aprovar e acabar com mais essa injustiça feita com o dinheiro público e com o suor dos paranaenses”, declarou o governador.

Atualmente, nove ex-governadores e três viúvas de ex-mandatários do Estado recebem aposentadoria. O subsídio mensal para ex-governantes bruto de R$ 30.471,11. “É uma mordomia que vem de décadas. Não só aquele que se elege governador, mas quem assumiu o cargo por dois ou três meses têm direito de se aposentar com o salário pelo resto da vida”, disse Ratinho Junior.

Economia no Governo Ratinho Junior

Entre as medidas já anunciadas por Ratinho Junior em menos de 30 dias de gestão está a redução no número de secretarias, o congelamento do próprio salário e da equipe de governo, a devolução da aeronave usada para a atender o governador, que custava R$ 4,5 milhões ao ano.

O governador também determinou uma auditoria na folha de pagamentos de servidores ativos e inativos. Além disso, pediu ao secretariado a redução de 20% nos gastos de custeio, além da revisão de todos os contratos.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.