Notícias

Geada Paraná: frio intenso pode danificar medidores de água

A Sanepar orienta moradores a protegerem os hidrômetros durante a geada no Paraná; o frio intenso pode romper medidores e canos

Caroline
Caroline Berticelli / Editora
Geada Paraná: frio intenso pode danificar medidores de água
A geada no Paraná e a queda de temperatura podem trazer prejuízos caso o usuário não se prepare. (Foto: Divulgação/AEN)

4 de julho de 2019 - 00:00 - Atualizado em 4 de julho de 2019 - 00:00

A Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) emitiu um alerta para que a população fique atenta com a geada no Paraná. Segundo o órgão, o frio intenso pode danificar os hidrômetros e, para que isso não aconteça, é necessário que eles sejam cobertos. 

Geada no Paraná podem congelar a água dentro dos canos

A queda das temperaturas e a geada no Paraná podem congelar a água dentro dos medidores de água (hidrômetros) e provocar o rompimento das tubulações que ficam expostas, causando a interrupção do abastecimento nas residências. 

Como proteger seu hidrômetro do frio intenso

A sugestão da Sanepar, é que os moradores cubram o relógio e os canos aparentes com caixas de papelão, pedaços de plástico, lonas, ou outros tipos de material que impeçam o acúmulo de gelo.

Outra medida eficaz é fechar o registro de entrada de água à noite, para evitar o acúmulo e o congelamento da água dentro do equipamento e da tubulação.