Segurança

Incêndio em indústria deixa dois trabalhadores em estado grave

O acidente iniciou na estufa de pintura da indústria, localizada às margens da BR-277

Aline
Aline Cristina / Repórter
Incêndio em indústria deixa dois trabalhadores em estado grave
(Foto: Pedro Jorge Fumaça)

11 de setembro de 2021 - 12:23 - Atualizado em 11 de setembro de 2021 - 15:01

Um princípio de incêndio em uma indústria química localizada às margens da BR-277, no núcleo industrial de Santa Tereza do Oeste, mobilizou várias equipes de socorro, do município e também de Cascavel, cidade que fica a cerca de 20 quilômetros da empresa. Dois funcionários ficaram em estado grave e precisaram ser transferidos pelo aeromédico.

O acidente começou na estufa de pintura da indústria. Dois funcionários que estavam no local sofreram ferimentos graves e precisaram de atendimento dos Socorristas do Samu. Devido a gravidade das lesões, o Aeromédico precisou ser acionado para encaminhar a equipe médica para atender os trabalhadores.

Segundo o médico do Consamu, Rodrigo Nicácio, ambas as vítimas apresentavam queimaduras graves e intoxicação causada pela queima dos produtos, considerados tóxicos.

“As vítimas estavam muito graves, com queimaduras importantes de vias aéreas, que precisaram ser entubadas. Um suporte avançado foi para Santa Tereza, para efetuar apoio às vítimas. Essas duas vítimas trazidas pelo SAMU passam por cuidados especializados, mas correm risco de morte.” 

Rodrigo Nicácio – Médico Consamu

As vítimas graves foram encaminhadas para hospitais de Cascavel. Outras pessoas que estavam no local, sofreram ferimentos considerados moderados e estão sendo atendidos no Hospital da cidade.

(Foto: Pedro Jorge Fumaça)

A equipe de brigadistas da própria empresa iniciou o combate às chamas.  A Defesa Civil, um caminhão da prefeitura municipal e equipes do 4° Grupamento de Bombeiros foram acionados para auxiliar no combate ao fogo. As chamas não se espalharam para outras partes da empresa.

Ainda não há informação do que teria motivado o sinistro.