Notícias

Farmacêutico é morto por amigos e enterrado no próprio quintal

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

20 de maio de 2018 - 00:00 - Atualizado em 20 de maio de 2018 - 00:00

Farmacêutico Carlos Henrique Hortêncio foi vítima de latrocínio (Foto: Reprodução/Facebook)

Vítima foi morta por amigos que queriam roubar a caminhonete

O farmacêutico Carlos Henrique Hortencio, 55 anos, foi morto a facadas por amigos e enterrado no quintal da própria casa em Maringá, no Norte do Paraná.

O corpo da vítima só foi encontrado no sábado (19), nove dias depois da ocorrência do crime. Dois homens foram presos e um terceiro é considerado foragido – eles tiveram a prisão preventiva decretada e confessaram o crime.

A vítima sofreu uma emboscada e rendida após dar carona para os três jovens, que queriam roubar a caminhonete. Ele foi amarrado, colocado no porta-malas da caminhonete e levado para uma zona rural onde foi assassinado. O homem foi morto a facadas e seu corpo enterrado no quintal da própria casa, na Vila Operária, na madrugada do dia 11 de maio.

O trio fugiu com a caminhonete, o celular e os documentos. Além dos pertences, os suspeitos levaram o computador com as imagens das câmeras de segurança.

Leia mais: O que está por trás da execução de jovem em cova no Rio Grande do Sul

Foto: Emerson Carvalho/RICTV Maringá

Desaparecimento

A família de Carlos relatou o sumiço à polícia no dia 17 de maio, seis dias após o crime. A demora para o registro da ocorrência, segundo a família, é porque mensagens no aplicativo de mensagens eram respondidas. Porém, o não envio de áudios causou desconfiança.

Um dos suspeitos foi detido em Moreira Sales, o outro foi encontrado em casa, em Maringá, e, o terceiro, está foragido. Os homens tem idades entre 23 e 20 anos.

Os três devem responder por latrocínio e ocultação de cadáver, com penas que podem chegar a 33 anos de prisão.

O corpo de Carlos Henrique foi sepultado na manhã deste domingo (20) no Cemitério Municipal de Maringá.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.