Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora

1 de agosto de 2019 - 00:00

Atualizado em 1 de agosto de 2019 - 00:00

0 Comentários
Internacionais

Estudante morre após pular de avião e cair em floresta repleta de animais selvagens

Polícia acredita que a estudante tenha sofrido um ataque de paranoia

Estudante morre após pular de avião e cair em floresta repleta de animais selvagens

Estudante morre após pular de avião em savana remota na região de Analalava, no norte de Madagascar, no dia 25 de julho.

De acordo com o polícia, a tragédia aconteceu 15 minutos após o avião decolar.

Identificada como Alana Cutland, a jovem tinha apenas 19 anos e era estudante de ciências naturais da Universidade de Cambridge. Conforme o portal Mirror, ela estava estudando sobre caranguejos raros.

Estudante morre após pular de avião em região habitada por fossas, em Madagascar

Até o momento, o corpo de Alana Cutland não foi encontrado pela polícia ou por moradores da isolada área.

A princípio, é possível que a jovem nunca mais seja localizada, já que existe a suspeita de Alana ter caído em uma região onde habita o animal mais feroz do Madagascar: as fossas.

Caso você não saiba, as fossas são animais onívoros que se alimentam de quase tudo, desde anfíbios até javalis ou animais maiores. Este felino é considerado o maior carnívoro da ilha de Madagascar, e por isso é bastante temido.

fossa

Jovem estava com mais duas pessoas em avião

Além da estudante, o piloto e mais uma turista identificada como Ruth Johsone stavam dentro do avião quando a tragédia aconteceu.

De acordo com eles, Alana foi pega em uma loja onde participava de um estágio, e estaria voltando ao Reino Unido logo depois de seus pais demonstrarem grande preocupação com a jovem.

No avião, a estudante teria soltado seu cinto de segurança e aberto a porta da aeronave para pular na savana. Apesar das tentativas do piloto e da outra passageira para impedir o salto, não foi possível detê-lá.

Conforme a polícia, Ruth e o piloto contaram que ficaram por aproximadamente cinco minutos tentando segurar a estudante, que só conseguiu pular após deixar ambos exaustos.

Além disso, o piloto da aeronave chegou a segurar Alana pela perna enquanto tentava manobrar a aeronave.

Estudante morre após pular de avião e cair em floresta

Simulação da morte de Alana divulgada pela polícia. (Foto: reprodução The Mirror)

Alana pode ter tido um ataque de paranoia

Segundo investigadores do caso, que entrevistaram alguns indivíduos que estavam com a jovem no estágio, Alana pode ter tido um ataque de paranoia.

Na mala da jovem a polícia também encontrou alguns documentos que apontam que ela sofria de problemas mentais e stress.

Dessa maneira, a polícia trabalha com a suposição de que a jovem se jogou intencionalmente do avião. Entretanto, as autoridades ainda trabalham para dar um parecer mais exato sobre a morte de Alana.

Família prestou homenagem a estudante

Nesta quinta-feira (1), a família de Alana prestou uma homenagem à jovem. “Nossa filha Alana era uma mulher brilhante e talentosa, muito amada e admirada por todos que a conheciam. (…). Alana agarrou todas as oportunidades que lhe foram oferecidas com entusiasmo e senso de aventura, sempre buscando ampliar seus conhecimentos e experiências da melhor forma possível. Ela estava particularmente animada por embarcar na próxima etapa de sua educação, em um estágio em Madagascar, complementando seus estudos em Ciências Naturais. (…)”.

Alana Cutland

Por fim, a família da jovem concluiu dizendo que estão de coração partido diante desta perda, e que Alana iluminou todos os cantos por onde passou.

Newsletter

Assine nossa newsletter e fique atualizado.

Seta COMENTÁRIOS