Notícias

EstaR Curitiba: a partir desta segunda-feira (11), passa a valer apenas o modelo digital

Quem ainda tiver bloquinhos do EstaR Curitiba pode trocá-los por créditos até 10 de junho

Caroline
Caroline Berticelli / Editora com informações da Prefeitura de Curitiba
EstaR Curitiba: a partir desta segunda-feira (11), passa a valer apenas o modelo digital
Foto: Valdecir Galor/SMCS/Arquivo

11 de maio de 2020 - 00:00 - Atualizado em 1 de julho de 2020 - 14:46

Os conhecidos bloquinhos de papel do EstaR Curitiba deixam de ser aceitos a partir desta segunda-feira (11), quando passa a valer apenas o modelo digital para regulamentar o estacionamento

“Agora, só será aceito o EstaR eletrônico, que traz agilidade, segurança e moderniza o sistema. As operações, que passam a ser realizadas por aplicativos, serão mais práticas para o usuário, que poderá fazer todo processo com poucos toques no celular e também renovar o período de permanência pelo próprio aplicativo”, diz o presidente da Urbanização de Curitiba S.A (Urbs), Ogeny Pedro Maia Neto.

Onde trocar bloquinhos do EstaR Curitiba

Para quem ainda tem bloquinhos, é possível trocá-los por créditos até 10 de junho na:

  • sede da Urbanização de Curitiba (Urbs) na Rodoviária

ou nas unidades da Urbs nas ruas da Cidadania do:

  • Carmo
  • Pinheirinho
  • Cajuru
  • Boa Vista
  • Fazendinha
  • Santa Felicidade
  • Tatuquara
  • Bairro Novo 
  • Matriz

Para evitar a aglomeração de pessoas e a contaminação pelo coronavírus, é preciso agendar o atendimento pelo site da Urbs. O atendimento presencial é feito na sequência, das 11h às 17h. A troca é gratuita.

Segundo a Prefeitura Municipal, quando os talões ou folhas são entregues, o atendente insere os créditos no aplicativo que usuário já deverá ter baixado para recebê-los em até 48 horas. Os créditos ficam disponíveis no aplicativo.

EstaR Curitiba App

O EstaR Eletrônico ou EstaR Curitiba App conta com nove aplicativos homologados, dos quais sete estão ativos: Meu EstaR, Faz Digital Curitiba, El Parking, Zul EstaR Digital, EstaR Digital Zazul, Transitabile e Estacionamento Digital. Eles podem ser baixados nas plataformas Android e iOS.

Além das pesquisas nas plataformas Apple e Android, é possível consultar as placas de sinalização do EstaR eletrônico nas ruas. Nelas há um QR Code que pode ser lido pelo celular e que mostra quais são os aplicativos credenciados.

O usuário pode escolher e fazer o download de um ou mais aplicativos, de acordo com sua preferência. Além disso, são 160 pontos comerciais e de serviços que estão habilitados também a vender créditos para quem não tem o celular disponível. São restaurantes, papelarias, farmácias, padarias e cafeterias, dentre outros. A lista pode ser conferida no site www.urbs.curitiba.pr.gov.br. Conforme a prefeitura, o número deve crescer quando o comércio voltar a funcionar normalmente, após o fim do isolamento social.

Nas ruas onde não há pontos comerciais, está prevista a instalação de totens para a venda de créditos. Curitiba conta com 12.088 vagas tarifadas de estacionamento.

Estacionamento irregular irá custar R$ 30

Até agora, quando o motorista estacionava sem cartão em áreas onde é exigido o EstaR, ele era apenas avisado de que estava cometendo uma infração e tinha até cinco dias úteis para regularizar a situação, comprando um bloco de cartões.

Com o EstaR digital, a regularização da infração por estacionamento irregular terá os mesmos cinco dias úteis para ser feita, mas mediante o pagamento de R$ 30, por meio de emissão de boleto no site da Urbs, e não se transformará em crédito. O prazo de regularização de cinco dias, no entanto, vai valer só até o fim do ano.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.