Notícias

Escritório de Comércio dos EUA age para conter importação de aço do Brasil e do México

Reuters
Reuters
Escritório de Comércio dos EUA age para conter importação de aço do Brasil e do México
(Blank Headline Received)

31 de agosto de 2020 - 12:20 - Atualizado em 31 de agosto de 2020 - 12:21

WASHINGTON (Reuters) – O Escritório de Comércio dos Estados Unidos disse nesta segunda-feira que estava tomando medidas adicionais para conter as importações de aço do Brasil e do México em razão da deterioração das condições do mercado norte-americano diante da pandemia de coronavírus.

A agência disse que estava reduzindo a cota remanescente de 2020 de produtos de aço semiacabado do Brasil para 60 mil toneladas de 350 mil toneladas, mas manterá as cotas existentes do Brasil para outros produtos de aço.

Também afirmou que o México concordou com consultas para estabelecer um estrito regime de monitoramento para lidar com altas na importação de tubos de aço, tubos de aço mecânico e produtos de aço semi-acabados.

(Por David Lawder)

tagreuters.com2020binary_LYNXMPEG7U15W-BASEIMAGE

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.