Empreendedorismo

Marcelo Nóbrega visita ecossistema empreendedor em Curitiba

Kauana
Kauana

18 de novembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 6 de julho de 2020 - 11:21

Marcelo começou sua formação em Engenharia no Brasil, mas terminou sua graduação em ciências da Computação na Columbia University, onde também fez seu mestrado. Sua incursão no mercado financeiro e do petróleo e gás levou Marcelo a fazer um doutorado em Engenharia de Produção, mas foi mesmo em Recursos Humanos que ele consolidou sua carreira. Depois de uma incursão no mercado internacional, voltou para o Brasil e se tornou referência nacional em gestão de RH. Com sua última passagem recente como diretor de RH do McDonald’s, onde permaneceu por cinco anos, Marcelo também esteve por seis anos no grupo Latam, onde foi diretor de RH Brasil, regional e vice-presidente, e mais quatro anos no RH da Reckitt Benckiser.

A muitos anos trabalhando com Recursos Humanos, Marcelo Nóbrega resolveu respirar novos ares e está buscando a inspiração no mundo das startups. Em busca de inovação e muitas oportunidades, veio de São Paulo para Curitiba para conhecer o nosso ecossistema, e acabou visitando também o Labiie, o Laboratório de Inovação em Inteligência Empreendedora, onde teve um bate papo ao vivo no estúdio de streaming juntamente com Kauana Vissotto e José Nascimento. Com uma viagem recente ao Vale do Silício, Marcelo conta de lá sua experiência e motivação para buscar novos ares:

“Descobri que ter acesso a melhor tecnologia não tem nada a ver com empreender e inovar!.”

Com a experiência de também ter realizado diversas palestras corporativas, em entrevista Marcelo aponta para uma tendência em Recursos Humanos, “… eu não olho currículo … eu busco em uma boa conversa identificar 4 pontos que são essenciais para eu escolher um profissional: saber se ela vai conseguir resolver o meu problema, se ela possui algo a mais para colaborar com o todo, alinhamento com os propósitos e valores da empresa e, por fim, se é possível pagar o salário que a pessoa merece”.

Marcelo acredita que as empresas hoje já estão fomentando os ambientes de inovação e empreendedorismo para mudar a sua cultura e se adaptar a nova realidade dos jovens em busca de emprego, que querem um modelo de trabalho diferenciado, mas o problema é que a grande maioria das empresas cria estes ambientes ainda fora da empresa. Mas para Marcelo, uma lição para aprender com a inovação das startups é que

“elas não têm medo de errar e, mais importante, de aprender com o erro. Elas criam o protótipo, testam e aperfeiçoam, tudo muito rápido.”

Sobre a inovação, Marcelo ainda acha que a maioria dos processos nas empresas afoga o ambiente inovador: “planejamento, metas, kpis, tudo isto leva as organizações a gerar resultados, mas isto vai de contra mão ao que é inovação”, e provoca ainda mais “para mim as empresas nunca deveriam ter um departamento de inovação. Cada departamento tem que fazer o seu trabalho, mas a inovação tem que estar no DNA da organização.”

E Marcelo termina a entrevista com uma contribuição importante, “eu estou muito inserido neste universo de startups em são Paulo, e vejo as startups competindo nestes eventos, nestes pitchs, e todas elas trabalham no mesmo espaço colaborativo, e uma ajuda a outra, ao mesmo tempo que buscam crescer. Esta parceria é muito legal”. E para quem quer estar a frente neste processo de mudança, fica a dica:

“construindo adaptabilidade e versatilidade”.

Faça a sua startup acontecer.  Entre em contato através do e-mail connect@condor.com.br e oi@labiie.com.br e agende a oportunidade de fazer a sua ideia decolar. Aproveite também e conheça a Comunidade Empreendedora. Ela tem os melhores empreendedores com as melhores experiências para compartilhar com você. Participe agora e trabalhe o perfil empreendedor para o seu negócio. E aproveite, quanto mais você trabalhar pelo seu negócio, maior será a sua recompensa.