15 de fevereiro de 2021 - 13:53

Atualizado em 15 de fevereiro de 2021 - 13:54

Profissões e qualificações que estarão em alta em 2021

Por Willian Bressan

Profissões e qualificações que estarão em alta em 2021
O consultor de carreira e negócios da ESIC Internacional, Alexandre Weiler

Segundo dados da Pnad Contínua, a pesquisa de emprego do IBGE, a taxa de desemprego em 2020 bateu recorde de 14,6%. A retomada econômica, esperada para 2021, já traz algumas tendências para o mercado de trabalho. O consultor de carreira e negócios da ESIC Internacional, Alexandre Weiler, lembra que a concorrência acirrada por uma posição no mercado de trabalho mostra que os profissionais precisam estar cada vez mais qualificados para conquistar uma oportunidade.

“A pandemia impactou fortemente na economia do país. Além de reduzir o número de vagas, as empresas precisaram se adaptar ao novo perfil do consumidor nesse período”, afirma.

É fato que qualificação profissional sempre foi um diferencial na hora da contratação. “Em tempos de crise, é preciso requalificar as habilidades técnicas e também as soft skills, que são as habilidades comportamentais”, diz.

Weiler acredita que algumas áreas estarão em grande crescimento, como o setor de tecnologia, por exemplo. “A pandemia acelerou a transformação digital das empresas e o isolamento social alterou o comportamento do consumidor”, explica. “Em momentos de crise, o setor financeiro também fica aquecido. Os profissionais precisam apresentar alternativas para adaptar custos e gerir o capital da empresa de forma assertiva”, completa.

Outra área em crescente crescimento é a de recursos humanos. “Fazer uma contratação errada gera custo muito alto para a empresa. É preciso escolher profissionais que tenham conhecimento para ter uma visão global do negócio, que atue integrado aos demais setores da empresa”, lembra.

Segundo o consultor, conhecimento em marketing e vendas é essencial, independente da área de atuação. “Quem sabe divulgar o seu negócio e tem poder de convencimento na hora da venda, ganha o cliente”, lembra. “Você não precisa ser formado em marketing, mas precisa ter conhecimento sobre as ferramentas dessa área e como aplicar isso dentro da sua empresa. O marketing é o braço direito das vendas, são setores que caminham de mãos dadas, e quem tem conhecimento disso, com certeza já está na frente no mercado de trabalho”, afirma.

Além das capacidades técnicas, é preciso conhecer a si mesmo. “Tenha consciência das suas potencialidades, pontos a melhorar, as oportunidades e as ameaças. Olhar para essas questões faz com que o profissional busque crescer e se aprimorar, além de maximizar suas chances de sucesso”, aconselha Weiler. “Adquirir conhecimento, seja em cursos rápidos, graduação, pós-graduação, ou módulos específicos, ou ainda formação internacional, conforme as necessidades de cada profissional e de cada planejamento, é de suma importância para o sucesso profissional. O mundo está em constante mudança e estar atento a isso é se colocar na frente, sempre!”, finaliza.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.