Educação

Professora chora com recado de aluna: “ninguém quis fazer lição comigo”

Recado para professora comove a web: “desculpa professora, não fiz a lição”; recado foi enviado por aluna de dez anos de uma escola de São José dos Pinhais

Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora
Professora chora com recado de aluna: “ninguém quis fazer lição comigo”
Foto: reprodução das redes socais

20 de agosto de 2020 - 14:17 - Atualizado em 20 de agosto de 2020 - 14:27

Uma aluna de dez anos escreveu um emocionante recado para a professora. Rosiani Mara Soares Machado leciona na escola municipal Professor Floresvaldo Mores de Creddo, localizada em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

Ao corrigir uma atividade enviada aos alunos, Rosiani mal podia esperar que seu coração seria tocado de uma forma tão profunda e transformadora por uma pequena de dez anos.

Paranaenses não apoiam volta às aulas: enquete exclusiva do RIC Mais mostra que 93% do público é contra o retorno das atividades presenciais.

Recado para professora comove a web: “desculpa professora, não fiz a lição”

O recado para a professora veio em uma atividade que tinha um objetivo simples, mas extremamente importante: envolver as crianças com seus familiares para ajudar a promover a interação em casa nesse momento tão difícil de isolamento e pandemia.

A lição precisava ser feita – no mínimo – em dupla: era preciso brincar de jogo da velha, uma brincadeira em que dois jogadores preencham as linhas diagonais, horizontais ou verticais com um mesmo símbolo: X ou O, impedindo que o adversário faço as marcações e complete o jogo.

Apesar de simples, naquele dia a lição de uma aluna veio em branco. Na lateral, um recado para a professora com a justificativa:

“Desculpa profe não ter feito essa lição. Ninguém quis fazer comigo”.

Comovida com a mensagem, a professora resolveu contar a história em suas redes sociais, que acabou viralizando e tendo mais de dez mil compartilhamentos.

“Como não se emocionar? E como não se sentir impotente diante desta situação ao receber este recadinho? É isto que estamos vivendo… é esta a nova realidade? o novo “normal”, disse ela na publicação.

De acordo com a professora, esse tipo de atitude é mais comum pessoalmente. “Me faltou fôlego. Mas vi que na minha profissão isso é muito comum e que tenho que fazer a diferença para ela”.

“Ao deparar com a atividade dessa minha aluna fiquei muito emocionada. Meu mundo desabou, chorei, e depois respirei fundo e pensei: tenho que fazer algo. tenho que dar uma resposta a esta criança”.

Para escrever o recado para sua aluna, Rosiani afirma que usou a alma.

“Meu amor vou fazer com você quando retornarmos! Prometo! Se cuide minha flor. Saudades de você. Beijos”.

recado para professora
Foto: reprodução das redes socais

Seis anos fazendo a diferença

Rosiani atua como professora há seis anos, e em sua trajetória outras histórias também tocaram seu coração.

Conforme ela, as crianças costumam ser mais espontâneas com os professores do que em casa, e por isso falam e expressam seus sentimentos, e é aí que entra o papel tão fundamental na vida dos pequenos.

“Por isso a importância da valorização da educação e do profissional da educação para que ele saiba acolher. Acho que essa é a palavra. Educar é isso. A gente se depara com muita situações complicadas. Crianças que sofrem e é na escola que sentem segurança para se expressar”.

Mais do que ministrar aulas e levar educação, Rosiani acredita que para ser professor é preciso ter amor, sensibilidade e saber se colocar no lugar da criança para dar apoio e sentir o que ela sente.

“Ser professor é uma escuta diária. Muitas vezes as dificuldades não está exatamente no aluno, mas nos instrumentos que ele dispõe. Participar do processo de desenvolvimento da aprendizagem do indivíduo é gratificante”, finaliza Rosiani.



Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.