Educação

Paraná aprova modelo cívico-militar em 200 colégios e será estado com maior número de instituições

Somando as escolas que aprovaram a modalidade em ambas as consultas, há um total de 200 colégios que se tornarão Cívico-Militares a partir de fevereiro de 2021

Guilherme
Guilherme Becker / Editor com informações da Seed
Paraná aprova modelo cívico-militar em 200 colégios e será estado com maior número de instituições
(Foto: Geraldo Bubniak/AEN)

14 de novembro de 2020 - 16:51 - Atualizado em 14 de novembro de 2020 - 16:51

O Paraná confirmou a migração para o modelo Cívico-Militar em mais 14 colégios do estado. Nesta segunda etapa de consulta pública, que se encerrou na noite desta sexta-feira 913), apenas um colégio optou por não migrar para o modelo.

Mais de 6 mil pais, estudantes, professores e funcionários de 16 escolas votaram nessa segunda consulta pública. Somando as escolas que aprovaram a modalidade em ambas as consultas, há um total de 200 colégios que se tornarão Cívico-Militares a partir de fevereiro de 2021.

Participaram dessa etapa colégios estaduais dos municípios de Cambará, Campo Largo, Campo Mourão, Colombo, Curitiba, Cruzeiro do Oeste, Douradina, Foz do Iguaçu, Itaperuçu, Jardim Alegre, Londrina, Maringá e Sarandi. Ao todo, quase 10 mil alunos fazem parte dessas escolas.

Na primeira consulta pública, 186 colégio já haviam aprovado a migração. Com as 200 escolas cívico-militares, o Paraná será o estado com maior número de instituições neste modelo no Brasil.

Escolas que aprovaram o modelo na segunda consulta

  • Colombo – Colégio Estadual Rui Barbosa
  • Itaperuçu – Colégio Estadual Luiz Maltaca
  • Campo Mourão – Colégio Estadual Osvaldo Cruz e Colégio Estadual Marechal Rondon 
  • Douradina – Colégio Estadual Douradina
  • Jardim Alegre – Colégio Estadual Anita Garibaldi
  • Cambará – Colégio Estadual Dr. Generoso Marques
  • Londrina – Colégio Estadual Professora Vani Cruz Viessi
  • Sarandi – Colégio Estadual Vereador Luiz Zanchim
  • Cruzeiro do Oeste – Colégio Estadual Cruzeiro do Oeste
  • Curitiba – Colégio Estadual Cândido Rondon e Colégio Estadual João Turin
  • Foz do Iguaçu – Colégio Estadual Presidente Castelo Branco e Colégio Estadual Sol de Maio
  • Maringá – Colégio Estadual Duque de Caxias 

Escolas que optaram por seguir no modelo tradicional

  • Campo Largo – Colégio Estadual Augusto Vanin

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.