Educação

Em Londrina, pais e responsáveis poderão decidir se a criança irá voltar 100% presencial

“Só vai para a aula presencial quem o pai desejar, e quem não quiser, vai poder continuar com o ensino remoto”, explica o prefeito Marcelo Belinati

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações da prefeitura de Londrina
Em Londrina, pais e responsáveis poderão decidir se a criança irá voltar 100% presencial
Foto: Vivian Honorato/N.com

28 de setembro de 2021 - 21:26 - Atualizado em 28 de setembro de 2021 - 21:26

A Prefeitura de Londrina, no norte do Paraná, anunciou, nesta terça-feira (28), como acontecerá o retorno 100% presencial das aulas da rede municipal: a partir da próxima segunda-feira (4), os alunos matriculados no 5º ano da rede pública municipal poderão voltar às aulas presenciais, caso os pais ou responsáveis se sintam confortáveis. Para aqueles que a família prefira permanecer à distância, será oferecida a opção remota.

“Durante toda pandemia, a gente procurou ser muito cauteloso, retomando gradativamente e aos poucos, porque é uma questão que envolve a saúde e a vida das pessoas. O que temos de maior valor é a vida dos nossos filhos, por isso, vamos continuar oferecendo as aulas remotas. Em Londrina, a educação vai continuar com o ensino híbrido, sendo a ideia retornar 100% das crianças em sala de aula, mas dando o direito de os pais das crianças escolherem. Só vai para a aula presencial quem o pai desejar, e quem não quiser, vai poder continuar com o ensino remoto.”

explica o prefeito Marcelo Belinati.

A partir do dia 18 de outubro, deve ser a vez dos alunos dos 3º e 4º anos retomarem o ensino presencial. Já no dia 25 do mesmo mês, a volta será aberta para todas as crianças do ensino fundamental.

Para garantir que as medidas de proteção contra a Covid-19 serão seguidas, engenheiros e arquitetos do município analisaram e certificaram o distanciamento de um metro entre as carteiras dispostas em sala de aula. Seguindo a medida, casa sala terá uma média de 30 crianças.

Matrículas 2022

O cadastro de matrículas vai até esta quinta-feira (30). Crianças que farão quatro, cinco e seis anos de idade até o dia 31 de março de 2022 precisam realizar o cadastro para efetuar a matrícula para o ano que vem. Ele pode ser feito clicando neste link.

Até a manhã desta terça-feira (28), foram contabilizadas 12 mil matrículas. A expectativa, segundo a secretária municipal de Educação, é que o número chegue a 15 mil até quinta-feira (30).

Mais informações podem ser obtidas através dos telefone (43) 3375-0235, (43) 3375-0236 ou (43) 3375-0102.