Eduardo Scola
Abre Aspas

Por Eduardo Scola

Notícias
Eduardo Scola

”Enquanto alguns estão chorando, outros estão vendendo lenços”

”Enquanto alguns estão chorando, outros estão vendendo lenços”
Foto: Ilustrativa.

16 de abril de 2020 - 00:00 - Atualizado em 4 de junho de 2020 - 15:16

Desde que a crise do coronavírus começou, os especialistas tinham uma certeza: a economia iria sentir os efeitos. E é isso que estamos percebendo dia após dia, com pedidos desesperados de reabertura do comércio.

Em Curitiba, a prefeitura cedeu, e vai permitir a volta de alguns setores, a partir de sexta-feira (17). O anúncio foi feito pelo prefeito Rafael Greca (DEM), durante uma transmissão pela internet.

Quem não tem do que reclamar são os donos de mercados e farmácias, que viram o faturamento subir em meio a pandemia. O uso do cartão de débito, segundo as operadoras, por exemplo, aumentou cerca de 30% e 16%, respectivamente.

Na outra ponta estão os empresários donos de materiais de construção, lojas de vestuário, estacionamentos e postos de combustível, com quase 80% de prejuízo, como avalia o professor de finanças, Jorge Prado.”Enquanto alguns estão chorando, outros estão vendendo lenços. Por mais que o isolamento acabe, não é ligar a tomada e tudo volta ao normal. A retomada será mais lenta, do que prevíamos. O baque pode ser forte”.

Apesar da instabilidade, nem tudo pode ser avaliado como prejuízo. Esse período vai permitir revoluções nas relações de consumo e no modo de servir o cliente.

“Tivemos que nos reinventar, usar ferramentas on-line para comunicar e vender. O Delivery mudou muito nossa vida. Essa praticidade, essa tecnologia vai ser um caminho sem volta”, finaliza o professor

Já que na capital do Paraná e em outras cidades, as regras de isolamento estão sendo flexibilizadas, mantenha o distanciamento, e não esqueça a sua máscara.

Me conta nos comentários: que mudanças você percebeu no seu cotidiano e até no seu comportamento durante a pandemia?

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.