Economia

Waldery Rodrigues é exonerado de cargo de assessor no Ministério da Economia e deixa equipe de Guedes

Reuters
Reuters
Waldery Rodrigues é exonerado de cargo de assessor no Ministério da Economia e deixa equipe de Guedes
Waldery Rodrigues durante evento em São Paulo

3 de agosto de 2021 - 18:33 - Atualizado em 3 de agosto de 2021 - 18:35

BRASÍLIA (Reuters) – Waldery Rodrigues, que foi secretário Especial de Fazenda e atualmente exercia a função de assessor especial de Relações Institucionais do Ministério da Economia, foi exonerado do cargo.

Portaria publicada nesta terça-feira no Diário Oficial da União com a exoneração afirma que o ato foi a pedido. Waldery é funcionário de carreira do Senado.

Ele deixou o cargo de número 2 do ministério da Economia em abril, quando foi substituído pelo então secretário do Tesouro, Bruno Funchal, por decisão do ministro Paulo Guedes, em meio a desgastes nas negociações em torno do Orçamento do ano com o Congresso.

Sua permanência no governo já havia sido posta em dúvida em setembro do ano passado, quando o presidente Jair Bolsonaro disse que daria um “cartão vermelho” a quem propusesse medidas que envolvessem tirar “dinheiro dos pobres para dar a paupérrimos”.

Na ocasião, Waldery tinha defendido publicamente medidas como a desindexação das aposentadorias do salário mínimo para financiar um programa social do governo que substituiria o Bolsa Família.

(Redação Brasília)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH721A3-BASEIMAGE